sexta-feira, 20 de abril de 2018

Ministério da Integração substituirá empresa responsável pelo Eixo Norte da transposição do rio São Francisco

Transposição do rio São Francisco em Cabrobó, Sertão de Pernambuco (Foto: Cícero João dos Santos)

A construtora EMSA, responsável pelas obras da meta 1N no Eixo Norte do Projeto de Integração do Rio São Francisco, será substituída por outra empresa. A troca foi confirmada pelo Ministério da Integração Nacional. De acordo com o órgão, a medida do Governo Federal visa à garantia do prazo de entrega do empreendimento.


Segundo o Ministério, a EMSA comunicou que não tem capacidade financeira para concluir os serviços previstos em contrato. O Ministério da Integração também garantiu que o processo para troca de empresas deverá ser concluído no próximo mês, assegurando assim o cumprimento de entrega das obras do Eixo Norte neste ano.

Protesto

Funcionários da EMSA realizaram uma manifestação na segunda-feira (16) em frente ao escritório regional do Ministério da Integração Nacional, em Salgueiro, no Sertão de Pernambuco. A categoria reivindicou o pagamento dos salários atrasados e o pagamento das rescisões dos funcionários demitidos e o cartão-alimentação.
Em nota, o Ministério da Integração informou que a responsabilidade do pagamento dos funcionários é da EMSA, e que as medidas cabíveis serão tomadas caso necessário. Ainda de acordo com o Ministério, não existem pendências financeiras, por parte do Governo Federal, junto a nenhuma empresa prestadora de serviços nas obras de transposição. A EMSA não deu retorno aos questionamentos.

Por G1 Petrolina


0 comentários:

Postar um comentário