Publicidade

Revista americana confunde treinador Joel Santana com João Santana em matéria de corrupção


Circula nas redes sociais uma reportagem da revista americana 'Time' sobre os nomes dos escândalos de corrupção do Brasil.

Entre Lula, Dilma e Eduardo Cunha, aparece o de João Santana, marqueteiro da campanha de Dilma.

O problema é que a tradicional revista americana pôs a foto de Joel Santana, o treinador, no lugar da do publicitário.

O texto diz que Joel, quer dizer, João, foi preso em fevereiro sob suspeita de receber 7,5 milhões de dólares no decorrer do escândalo.


Em contato com a Rádio Globo, no programa Panorama Esportivo, Joel, muito simpático, adiantou que seus advogados estão analisando as medidas que possivelmente serão tomadas contra a publicação.

- Está entregue ao meu grupo de advogados para análise da situação. Em breve, eu falarei para vocês. Obrigado pela ligação - desligou Joel.

Fonte: O Globo

Comentários

Publicidade