Publicidade
ESTE BLOG ESTÁ EM REFORMA. AGRADECEMOS A COMPREENSÃO.

Padrasto suspeito de matar enteada de 13 anos é linchado em PE

Isaías Bezerra da Silva morreu após ser espancado por populares (Foto: Divulgação)

Principal suspeito de matar a enteada de 13 anos, o caseiro Isaías Bezerra da Silva, de 38 anos, morreu nesta sexta (16), no início da noite. Ele foi agredido a pedradas e pauladas por populares em Itapissuma, na Região Metropolitana do Recife (RMR), onde se escondeu depois que teria assassinado a enteada Maína Maria Marcolino.

Segundo o comandante do 17º Batalhão da Polícia Militar, tenente coronel Marcos Ramalho, a PM e a Polícia Civil foram acionadas e chegaram a tempo de evitar que Isaías fosse executado no local. O homem chegou a ser socorrido, mas acabou morrendo devido à gravidade dos ferimentos.


Isaías era o principal suspeito do assassinato de Maína, que desapareceu na última segunda-feira (12) e foi encontrada morta dentro de uma caixa d´água dois dias depois, no Loteamento Bela Vista, em Igarassu, município vizinho a Itapissuma, na RMR. Na última vez que a menina foi vista com vida, estava acompanhada do padrasto. Ainda nesta sexta, a Vara Criminal de Igarassu havia expedido um mandado de prisão preventiva contra ele, que tinha passagem pela polícia e já tinha sido preso em 2010, após praticar um assalto.

Por: Portal FolhaPE

Comentários

Publicidade