Publicidade

Celíacos: entenda a doença e veja 10 alimentos glúten free

Dados da Federação Nacional das Associações de Celíacos apontam que há cerca de dois milhões de portadores de doenças celíacas no Brasil

O glúten é uma proteína presente naturalmente em alguns cereais e, às vezes, não é bem aceito pelo intestino. A doença celíaca é uma desordem sistêmica autoimune, desencadeada pela ingestão de glúten, e seu consumo causa uma inflamação crônica da mucosa do intestino delgado, que pode resultar na atrofia das vilosidades intestinais, com consequente má absorção intestinal e suas manifestações clínicas. “As pessoas portadoras de doença celíaca não podem consumir alimentos que contenham trigo, aveia, centeio, cevada e malte ou os seus derivados” explica Mônica Beyruti, nutricionista membro do Departamento de Nutrição da ABESO e especialista em nutrição em cardiologia pela SOCESP e fisiologia do exercício pela UNIFESP.

Os portadores de doenças celíacas podem apresentar vários sintomas, sendo que os mais comuns são: diarreia crônica, prisão de ventre, vômitos, anemia, dor e distensão abdominal.

No Brasil, de acordo com a Federação Nacional das Associações de Celíacos, a prevalência desta doença chega a dois milhões de pessoas, mas a maioria dos afetados ainda não possui um diagnóstico. “Dados apontam que entre 1% e 2% da população mundial apresenta intolerância ao glúten. A doença é crônica, seus portadores devem adotar uma alimentação restrita a essa proteína”, ressalta a nutricionista.



A dieta glúten free está em alta e, apesar de muitas pessoas tirarem o glúten da dieta com o intuito de emagrecer, não há comprovações científicas desse fato. “Não é recomendada a suspensão da ingestão de glúten para pessoas não celíacas. Alimentos com a proteína podem ser consumidos pelo público em geral dentro de uma alimentação equilibrada. Aqueles que precisam seguir uma dieta glúten free devem verificar os rótulos para certificarem-se que estão usando versões isentas desta proteína”, aponta Mônica.

Com a febre da dieta sem glúten, muitos restaurantes apresentam em seus cardápios pratos ”sem glúten”. “Atenção, pois para o celíaco, a contaminação cruzada com quantidades mínimas de glúten já é suficiente para fazer estragos”, finaliza a especialista.

Veja na lista a seguir alguns importantes alimentos que não contêm glúten:

1. Frutas e vegetais
2. Milho
3. Carnes, aves e peixes
4. Tapioca
5. Azeite
6. Queijos
7. Ovos
8. Amido de milho
9. Quinoa
10. Polenta

S2Publicom

Comentários

Publicidade