Publicidade

Kaio Maniçoba foi o único deputado pernambucano a mudar de opinião sobre maioridade penal

Deputado Kaio Maniçoba em entrevista a Assis Ramalho (Foto: Lúcia Xavier)

O deputado Kaio Maniçoba (PHS) foi o único parlamentar pernambucano, na lista dos 24 deputados que mudaram do "não" para o "sim", na votação pela diminuição da maioridade penal.Na última quarta-feira (01), após ser modificada, durante a manhã, em um acordo costurado entre o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), e deputados do PSDB, PHS, PSC e PSD, a "nova" proposta foi para votação e acabou aprovada com 323 votos favoráveis, 155 contrários e 2 abstenções.

Kaio Maniçoba é filho da prefeita de Floresta, Rorró Maniçoba (PSB). Em entrevista ao Diario no mês de junho, numa matéria sobre a opinião da bancada de Pernambuco sobre PEC 171/93, Kaio declarou ser contra a redução da maioridade. Na votação da quarta-feira chegou a votar contra, porém, na madrugada de hoje mudou de opinião.

Em nota, o deputado Kaio Maniçoba afirmou que não existe incoerência em seu posicionamento. O parlamentar afirma que é favor da redução da maioridade penal "num contexto em que esteja restrita a crimes hediondos". No entendimento do deputado, o texto votado na última quarta-feira é "muito mais amplo quando abrange questões relativas à criminalidade oriunda da situação de vulnerabilidade social em que o indivíduo se encontra".

"A emenda aglutinativa apresentada conseguiu formatar melhor aquilo que defendo, restringindo a punição a crimes hediondos que são perpetrados contra a dignidade humana. Daí, meus posicionamentos em pauta", finalizou o parlamentar.

Confira como votaram os deputados pernambucanos

Contra a redução na terça-feira e a favor na quarta-feira
Kaio Maniçoba (PHS)

A favor da redução nas duas votações
Mendonça Filho (DEM)
Eduardo da Fonte (PP)
Fernando Monteiro (PP)
Anderson Ferreira (PR)
Gonzaga Patriota (PSB)
Marinaldo Rosendo (PSB)
Pastor Eurico (PSB)
Bruno Araújo (PSDB)
Daniel Coelho (PSDB)
Adalberto Cavalcanti (PTB)
Jorge Côrte Real (PTB)
Ricardo Teobaldo (PTB)
Zeca Cavalcanti (PTB)
Augusto Coutinho (Solidariedade)

Contra a redução nas duas votações
Cadoca (PCdoB)
Luciana Santos (PCdoB)
Wolney Queiroz (PDT)
Jarbas Vasconcelos (PMDB)
Raul Jungmann (PPS)
Fernando Coelho Filho (PSB)
João Fernando Coutinho (PSB)
Tadeu Alencar (PSB)
Silvio Costa (PSC)
Betinho Gomes (PSDB)

Diário de Pernambuco

Comentários

Publicidade