Publicidade

Esquema desviou cerca de R$ 1 milhão de verbas públicas em Santa Luzia do Norte-AL


As investigações da Polícia Federal acerca de fraudes em licitação no município de Santa Luzia do Norte-AL aponta para um prejuízo de aproximadamente R$ 1,1 milhão de verbas federais do PNAD. Uma operação foi deflagrada na manhã desta quarta-feira (13), onde desarticulou uma quadrilha que fraudava licitações no município.

De acordo com o delegado federal, Jorge Eduardo, empresários donos de postos de combustíveis, ex-gestores e servidores públicos são apontados como integrantes do grupo acusado de fraudar as licitações. Os nomes dos envolvidos não foram divulgados.

Ainda de acordo com o delegado, o gerente do posto chegou a ser preso pelos policiais. Após prestar esclarecimentos, uma fiança foi arbitrada contra o acusado.

Durante a investigação, verificou-se a dispensa irregular de licitação e de certame licitatório para fornecimento de combustíveis com direcionamento de contratação e de sobrepreço.

As penas dos crimes investigados dizem respeito aos artigos 89 e 90, da Lei nº 8666/93, ao artigo 1º, I, do Decreto-Lei nº 201/67 e ao artigo 288, do Código Penal Brasileiro, e podem chegar a 24 anos de reclusão.

Os mandados de busca e apreensão foram cumpridos em Maceió, Satuba, Santa Luzia do Norte e na cidade pernambucana de Bom Conselho. Os mandados foram expedidos pela 2ª Vara da Justiça Federal.

Por Gazeta Web

Comentários

Publicidade