domingo, 29 de abril de 2018

Arcoverde realiza primeira colheita do projeto Horta em todo canto


Atividade conta com a participação de adolescentes em cumprimento de medidas socioeducativas (Foto: Luciana da Nóbrega Brazil/Ascom TJPE)

Os primeiros resultados do projeto “Horta em todo canto”, implantado na comarca de Arcoverde, no Sertão pernambucano, começaram a ser colhidos. Na quinta-feira (19/4), foi realizado o 1º Chá da Colheita, no hall do Fórum Clóvis de Carvalho Padilha, com a participação de magistrados, servidores, uma equipe gestora da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase/Arcoverde), outra equipe do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA) e adolescentes em cumprimento de medidas socioeducativas.

A ação marcou a primeira colheita realizada pelo projeto, onde foram distribuídas, entre os participantes e demais colaboradores indiretos da iniciativa, hortaliças como coentro, hortelã e alfaces nacional e americana. Na ocasião, também foram servidos chá e suco produzidos com ingredientes cultivados na horta.

O “Horta em todo canto” tem o objetivo de incentivar o cultivo de alimentos saudáveis sem a utilização de agrotóxicos, dentro de espaço institucional. No caso de Arcoverde, é utilizado espaço na entrada do fórum. A horta, enquanto prática agrícola vivenciada no meio urbano, proporciona diversos benefícios para as pessoas, como o estímulo a alimentação saudável, consciência ambiental e qualidade de vida. A partir de maio, será realizado o replantio dos produtos colhidos.

Em março deste ano, foi realizada um curso inicial para a confecção dos canteiros, além do plantio das sementes e mudas. Idealizado pelo Governo do Estado, o projeto é coordenado pela Câmara Intersetorial de Segurança Alimentar e Nutricional de Pernambuco (Caisan-PE). Em outubro de 2017, o Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) aderiu ao programa.

Amanda Machado/Ascom TJPE


0 comentários:

Postar um comentário