Publicidade

Adolescente atira e mata professora em escola na Estônia

Segundo porta-voz da polícia, outros quatro alunos estavam na sala de aula no momento do ataque. O atirador foi apreendido e os estudantes não ficaram feridos

Um estudante de 15 anos atirou e matou a professora durante uma aula nesta segunda-feira (27) em uma cidade no sul da Estônia. Quatro outros alunos estavam na sala de aula na escola Paalalinna, na cidade de Viljandi, de acordo com Tuuli Harson, porta-voz da polícia. Ela afirmou que o atirador foi apreendido e que outras pessoas não ficaram feridas no ataque.

Autoridades do governo disseram que a vítima era uma professora de alemão que tinha 56 anos. A polícia não informou detalhes sobre a motivação do episódio, mas afirmou que a arma era legal e pertencia ao pai do adolescente.

O jornal Postimes informou que o atirador recentemente começou a publicar imagens de armas e de guerra em seu perfil no Facebook. Umas das fotografias incluía um texto com a mensagem "você desperta meu serial killer interno".

O presidente estoniano, Toomas Hendrik Ilves, classificou o episódio como uma tragédia. "Não é uma tragédia de uma escola ou de uma cidade. É uma tragédia para toda a Estônia", afirmou em um comunicado.

Estado de Minas

Comentários

Publicidade