Publicidade
ESTE BLOG ESTÁ EM REFORMA. AGRADECEMOS A COMPREENSÃO.

Conselho de Desenvolvimento Rural Sustentável de PE apresenta propostas para agenda de 2018

Primeira reunião do ano foi coordenada pelo secretário de Agricultura e presidente do Conselho, Wellington Batista (Fotos: Créditos: Edilson Júnior/SARA)

Nesta terça-feira (13/03), o secretário de Agricultura e Reforma Agrária, Wellington Batista, coordenou a primeira reunião ordinária de 2018 do Conselho de Desenvolvimento Rural Sustentável de Pernambuco - CDRS-PE. O encontro foi realizado no auditório do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), na presença dos representantes da sociedade civil organizada e órgãos governamentais que integram o conselho. Na abertura, houve uma apresentação do coral formado por estudantes da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE).

O objetivo foi apresentar o planejamento de ações estratégicas para fortalecimento das políticas públicas do desenvolvimento rural sustentável no Estado, definindo metas e propostas a serem implementadas em todas as regiões. Dentre as principais ações discutidas para a gestão, dinamização e funcionamento do CDRS estão a reestruturação da Zona da Mata, convênios com o Banco Mundial e proposta encaminhada ao Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola – FIDA, retomada do Comitê de Estiagem e da Câmara Técnica de Reforma Agrária, além do Plano de Inovação da Agricultura Familiar.

O secretário Wellington Batista, que também preside o conselho, pontuou que “em nossa gestão, queremos estar mais próximos dos conselhos estaduais e municipais, no sentido de fortalecer as políticas públicas a favor dos agricultores e agricultoras familiares”.

Estiveram presentes o presidente do Iterpe, André Negromonte; o secretário executivo de Agricultura Familiar, José Cláudio; e ainda representantes da Agência Condepe/Fidem; Serta; Conab; Articulação do Semiárido (ASA); Secretaria Estadual da Mulher; Banco do Nordeste; Caixa Econômica; Via do Trabalho; Incra; Sintape; Agroflor; MST; Fetraf; Grupo Independente Miguel Arraes (Gima) e Assocene.

Histórico:

O CDRS-PE é instituído pelo decreto nº 23.346, de 18 de junho de 2001 e suas modificações em 2004/2007/2012. É um órgão colegiado, paritário, consultivo e deliberativo, constituído por representantes de instituições governamentais e da sociedade civil, vinculado à Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária do Estado (SARA) e a Secretaria Executiva da Agricultura Familiar (SEAF). O mandato é de dois anos, sendo alternado entre representantes do governo e sociedade civil.

SARA-PE

Comentários

Publicidade