Publicidade
ESTE BLOG ESTÁ EM REFORMA. AGRADECEMOS A COMPREENSÃO.

Fernando Filho é avaliado por especialistas do DIAP como um deputados mais influentes do Brasil

“É um reconhecimento importante e que nos orgulha, principalmente, por ser feito por especialistas no trabalho parlamentar e por sermos o único representante do Sertão de Pernambuco numa lista tão seleta", destaca o parlamentar.

O Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (DIAP) divulgou, nesta segunda-feira (17), um levantamento dos 100 parlamentares mais influentes do Congresso Nacional. O estudo indica 65 deputados federais e 35 senadores que tem maior protagonismo em debates, votações, formulações, implementação de propostas e articulações políticas. Na edição deste ano, Fernando Filho foi um dos seis pernambucanos (único do Sertão) incluídos na lista dos deputados com maior força política e produtividade no Congresso.

É a segunda vez que o parlamentar do partido Democratas aparece entre os mais influentes. O deputado sertanejo foi posicionado na categoria dos notáveis formuladores da Câmara. O DIAP considera nessa classificação os parlamentares mais produtivos e com maior capacidade para pautar os debates, agendas e ritmo do Congresso.

“É um reconhecimento importante e que nos orgulha, principalmente, por ser feito por especialistas no trabalho parlamentar e por sermos o único representante do Sertão de Pernambuco numa lista tão seleta. É uma avaliação que demonstra que temos responsabilidade e honramos a confiança do povo pernambucano na Câmara dos Deputados”, destaca Fernando Filho.

O ranking intitulado “Cabeças do Congresso Nacional” é realizado há sete anos pelo DIAP. Na avaliação, é avaliado o desempenho dos 513 deputados federais e 81 senadores. Pernambuco tem no total 25 representantes na Câmara e três no Senado. Além de Fernando Filho, foram apontados como “Cabeças do Congresso” os senadores Fernando Bezerra Coelho, Armando Monteiro e Humberto Costa; e os deputados Bruno Araújo, Mendonça Filho, Silvio Costa, Luciana Santos e Tadeu Alencar.

Assessoria de Imprensa Fernando Filho

Comentários

Publicidade