sábado, 30 de setembro de 2017

Lucas Ramos discute privatização da Chesf em Alagoas

Foto: Jailson Alexandre

As câmaras de vereadores dos municípios de Delmiro Gouveia, Pariconha e Piranhas, em Alagoas, promoveram nesta sexta-feira (29) uma audiência pública conjunta para discutir a proposta de privatização do sistema Eletrobras, que inclui a Companhia Hidro Elétrica do São Francisco. Presidente da Frente Parlamentar em Defesa da Chesf na Assembleia Legislativa de Pernambuco, o deputado estadual Lucas Ramos (PSB) apresentou, na cidade alagoana de Delmiro Gouveia, o trabalho que vem desenvolvendo a favor da estatal e os prejuízos que o processo de venda da Companhia pode acarretar para o desenvolvimento do Nordeste.

Lucas alertou para a atual situação da Chesf, marcada, na visão do parlamentar, pelo descaso com um patrimônio construído ao longo de mais de sete décadas. “A Chesf impulsiona o desenvolvimento econômico do Nordeste e deve receber melhor tratamento, valorizar seus servidores e ser fortalecida para ampliar sua presença na região”, salientou. O deputado frisou que privatizar a Companhia colocaria em risco a utilização plena dos recursos do Rio São Francisco. “Observamos uma falta de cuidado com as políticas de preservação do rio que banha 523 municípios e beneficia mais de 12 milhões de brasileiros. Não abriremos mão da saúde do Velho Chico, que corre séria ameaça”, pontuou.

O reajuste nas contas também foi um tema abordado pelo deputado. “A venda da Chesf provocará aumento na tarifa de energia paga pelos consumidores e pela indústria, comprometendo os empregos e a renda de milhões de brasileiros”, ressaltou. “Não temos a garantia de que a Chesf privatizada, com o controle do Rio São Francisco nas mãos de empresários, tenha a preocupação com os usos múltiplos da água, recurso tão importante para a higiene pessoal e o abastecimento humano, para a agricultura irrigada e familiar, para a pesca artesanal, entre outras atividades”, disse. “A Transposição, tão sonhada por pernambucanos, paraibanos, potiguares e cearenses, também está em risco”, destacou.

O presidente da Câmara de Vereadores de Delmiro Gouveia, Ezequiel Costa (PSB), observa com preocupação a intenção do Governo Federal em vender a Chesf. “É uma empresa do setor elétrico que cravou sua história no Nordeste do país, emprega milhares de funcionários e é um marco na nossa região. A sua privatização será um triste capítulo nessa história, acarretando grandes prejuízos, e o maior deles será a falta de cuidado com as águas do nosso Rio São Francisco”, asseverou.

Participaram da audiência pública o deputado estadual Inácio Loyola (PSB/AL) e os vereadores Enoque Batista (PHS), Cacau Correia (Avante), Fabíola Marques (PSL), Daniel Marques (PSD), Raimundo Walter (PPS), Júnior Lisboa (PMDB). Também presentes, os presidentes das Câmaras Municipais de Água Branca/AL (Tereza Costa - PRB), Pariconha/AL (José Hilton - PSB), Paulo Afonso/BA (Marcondes Francisco - PSD), Jatobá/PE (Cleomar dos Santos - PV) e o engenheiro chesfiano João Paulo Aguiar.

Assessoria de Imprensa deputado estadual Lucas Ramos


0 comentários:

Postar um comentário