segunda-feira, 14 de setembro de 2015

Petrolândia: Dr. Érico Herbert fala de seu amor pela medicina e de um possível futuro na política, em entrevista a Assis Ramalho


Entrevista com Dr. Érico Herbert será reprisada na manhã desta terça-feira (15) no programa ''Acordando com as Notícias'' na Web Rádio Petrolândia.

O médico ortopedista, especialista em cirurgia de joelho, Dr. Érico Herbert, natural de Petrolândia, vem se destacando em sua profissão na cidade e na região, devido à constante pesquisa e inovação nos tratamentos oferecidos aos pacientes, além de participar da busca por manter-se atualizado em sua especialidade, participando de cursos.

A reportagem do Blog de Assis Ramalho e da Web Rádio Petrolândia entrevistou o jovem médico Érico Herbert que, bastante informal, conversou sobre sua formação na medicina, sobre um talvez não muito próximo, mas bem provável experiência na política e, com ênfase, sobre os tratamentos disponíveis para o tratamento das doenças de joelho. 

A entrevista será reprisada nesta terça-feira (15) na Web Rádio Petrolândia, no programa Acordando com as Notícias, transmitido de segunda a sábado das 5h30 as 8h30 da manhã, com apresentação e comentários de Assis Ramalho.

Acompanhe a entrevista abaixo, na íntegra. 

Assis Ramalho: Você é um jovem, filho de Petrolândia, que muito cedo sonhou com a medicina, buscou o seu sonho, se formou e resolveu retornar para a sua cidade para exercer a sua profissão. Mas, com certeza, não foi fácil chegar onde chegou. Gostaria que você contasse um pouco de sua história, de sua trajetória na medicina.

Dr. Érico Herbert: Primeiramente eu gostaria de agradecer a você, Assis, pelo espaço no Blog e na Web Rádio Petrolândia. Assis, não foi fácil a minha caminhada em rumo aos meus objetivos, hoje eu sou formado pela Universidade Federal de Pernambuco, fiz minha residência médica em Ortopedia e Traumatologia no Hospital Otávio de Freitas, logo após fiz uma Sub-Especialização em Cirurgia do Joelho, no Instituto de Traumatologia e Ortopedia Romeu Crause, que é um dos cirurgiões mais importantes do país. Portanto, eu venho me atualizando frequentemente, realizando cursos, inclusive fora dos nosso Estado, em São Paulo e em outros estados, e sempre buscando o melhor para o nosso paciente. Obviamente que com as novas técnicas sendo realizadas em outros paises, nós tentamos também trazer para a nossa realidade, pra nossa querida Petrolândia. Hoje eu atendo em Petrolândia, faço consultório em nossa cidade, faço consultório em Paulo Afonso, sou concursado do Estado de Pernambuco, sou concursado da Prefeitura de Garanhuns. e sou Staff em cirurgia do joelho de um Hospital em Recife.

Assis Ramalho: Muitos jovens como você, que são do interior, quando se formam normalmente preferem exercer a profissão em grandes centros. Mas você contrariou tudo isso e resolveu voltar para a sua cidade, para exercer a profissão. Foi uma maneira de retribuir o carinho a sua terra natal?

Dr. Érico Herbert: Assis, o meu intuito de retornar para Petrolândia foi por que eu nasci aqui, cresci aqui, convivi com muitos amigos que ainda moram aqui. Meus pais moram aqui, meus familiares moram aqui e eu sentir uma necessidade de retribuir a todo o carinho que eu tive da população de Petrolândia, com o meu conhecimento médico. Hoje, eu sinto um carinho imenso em tratar esses pacientes, em recebe-los em minha clínica. Nós trouxemos um atendimento diferenciado em ortopedia, e uma coisa muito importante é que aumentamos o tempo de consulta, que era uma coisa que não era muito comum aqui na nossa região. Hoje a nossa primeira consulta, ela dura em média 40 minutos, o que é uma coisa que é muito difícil você ver em outros consultórios. Nós temos um atendimento individualizado.

Assis Ramalho: Além do carinho que tem pela cidade, talvez o seu retorno tenha sido também uma maneira de retribuir o carinho pela família, que tem uma história na cidade. verdade?

Dr. érico Herbert: ExatamenteA minha mãe nasceu em Petrolândia, o meu pai, ele nasceu em Caruaru, mas a muito tempo trabalha em comércio, desde a velha cidade onde tudo começou com o meu avô Doro, que foi quem começou o comercio de nossa família. e o meu pai vem de certa forma contribuindo com a economia da cidade. Com isso, ele cria empregos, e de certa forma ele também ajuda a outras pessoas, por que a solidariedade que a gente presta normalmente a gente não faz nenhuma divulgação. Hermínio de Morais, que é um dos empresários mais importantes do país, ele diz que a solidariedade mais importante, a mais verdadeira, é aquela que não é divulgada, é aquela que você faz de coração, que não visa nenhum retorno e que você faz por amor. 

Assis Ramalho: Recentemente você realizou um curso avançado no Instituto de Ortopedia e Traumatologia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (Universidade de São Paulo), que é maior universidade da América Latina. Gostaria que você falasse sobre a importância desse curso, que deva ter sido de grande importância.

Dr. Érico Herbert: Exatamente. Nós buscamos cada vez mais melhorar, e sempre buscar as melhores técnicas que existe em nosso país. Hoje a USP possui o maior centro de treinamentos de cirurgias de joelho da América Latina, que é um centro coordenado por Dr. Gilberto Camanho que é o editor da Revista Brasileira de Ortopedia. Então, é um centro de exelência no qual a gente treina as principais técnicas que estão sendo feitas em outros países como Estados Unidos, Alemanha e Suíça. Eu não mencionei anteriormente, mas eu sou membro titular da Sociedade Brasileira de Ortopedia, e também sou membro da AO Foundation, que é uma instituição que tem sede na Suíça. Esse ano também fizemos em Ribeirão Preto um treinamento avançado em fraturas. Utilizamos os melhores materiais, os materiais que foram lançados na última convenção realizada em Davos, na Suíça. Na oportunidade, pudemos treinar e utilizar diversos materiais que trarão, de fato, beneficios para os nossos pacientes de nossa cidade.

Assis Ramalho: Também gostaria que falasse sobre uma determinada medicação moderna no combate à artrose de joelho que trouxe para o seu consultório, aqui na região.

Dr. Érico Herbert: Quando nós começamos os nossos trabalhos aqui, em ortopedia, nós trouxemos uma medicação chamada Fermathron, que é o seguinte; Muitos dos nosso pacientes chegam dizendo, no popular, "Dr, a baba do meu joelho acabou''. Essa medicação é justamente para tentar dar uma melhor lubrificação no joelho. e são feitas nos melhores consultórios do país. Assim como eu já fiz cursos em São Paulo, Recife, Rio de Janeiro, eu observei que quase todos esses grandes centros utilizam esse tipo de terapia, que é uma terapia muito importante por se realizar antes de uma possível cirurgia, onde você ganha tempo para o paciente chegar até o ponto de realizar uma prótese total do joelho. A prótese total de cirurgia de joelho é uma cirurgia grande, em que às vezes os pacientes têm alguns problemas. Então, com essa medicação nós conseguimos ganhar tempo e dá uma melhor mobilidade ao paciênte, que normalmente é um paciente idoso entre 60 e 75 anos de idade.

Assis Ramalho: Acha que já chegou ao topo da carreira ou não?

Dr. Érico: Muito pelo contrário, eu acho que a caminhada é imensa, e eu apenas estou no começo. Eu espero fazer outros cursos, espero está sempre me atualizando. Eu quero que o povo de Petrolândia saiba que nós não descansaremos, nós sempre vamos buscar o melhor, onde estiver, e se for necessário nós vamos buscar eu outros países. Nosso principal objetivo é o bem estar do paciente. Peço às famílias que tem pessoa com algum problema de joelho, que venha conhecer os nossos trabalhos. Muitos deles dizem ''ah, doutor! não tem mais jeito, eu já desisti'', Mas eu peço que não desistam de vocês, não desistam de seus sonhos, de ter uma qualidade de vida razoável. Obviamente que com o envelhecimento é muito difícil você deixar o paciente 100%. mas nós conseguimos melhorar.

Assis Ramalho: Você é um jovem bem sucedido, com certeza você hoje é uma pessoa influente, em destaque no meio da sociedade de Petrolândia. E a gente observa que muitos médicos que se formam, quando retornam para as suas cidades, tem tendência de se infiltrar no meio da política. Você pensa, no futuro, em almejar uma candidatura? Essa pretensão passa em sua cabeça?

Dr. Érico Herbert: Assis, eu acho que essa é uma curiosidade não só sua, como de outras pessoas. Isso por que existe alguns boatos na cidade a respeito de que a gente poderia ser candidato, ou não. No momento eu não sou filiado a nenhum partido, eu não tive nenhuma conversa em particular com candidatos a, b, c ou d. Mas eu já observo que na nossa cidade já tem grupos fortes para disputar a eleição. A gente já tem o grupo da família Simões, que tem um legado na cidade, tem todo o respeito. Tem o grupo de Fabiano, que já é um vereador muito experiente no trato da política. A gente tem o Rogério Novaes, que traz a força do homem do campo. Também temos outras forças, como Dr. João que saiu muito fortalecido, que teve uma votação, como candidato a deputado estadual (2014), muito expressiva. Temos também o Natanael, junto com o pessoal do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Então, são forças respeitáveis e que serão de certa forma os grandes protagonistas das eleições do próximo ano, que provavelmente deva ser muito acirrada e disputada. Agora, em relação a minha pessoa, nesse momento não passa na nossa cabeça. Até por que eu não sou filiado, não sou coligado a nenhum grupo ou partido, mas também eu não nego que isso possa acontecer no futuro. Pode ser que seja no próximo ano, ou daqui a vários anos.

Assis Ramalho: Então, você não está descartando, totalmente, a possibilidade de sair candidato ainda nas eleições de 2016, verdade?

Dr. Érico Herbert: Eu acho que como estamos se aproximando do término da filiação, esse tipo de especulação vai ocorrer com várias pessoas da nossa cidade. Se você me vê hoje como uma pessoa apta a galgar um cargo político, eu também acho que existem outras pessoas aptas. Nesse momento eu não tenho essa pretensão de ser candidato, mas também não nego que no futuro, daqui a uma ano, daqui a dez anos, isso não possa acontecer. Até por que a gente não sabe quais são os caminhos que a nossa vida terá. Mas nesse momento o meu principal objetivo, a minha pretensão é crescer cada vez mais na minha profissão.

Assis Ramalho: Gostaria de agradecer por ter recebido a reportagem do Blog de Assis Ramalho e da Web Rádio Petrolândia, e deixo o espaço para você deixar a sua mensagem para o povo de sua cidade.

Dr. Érico Herbert: Eu agradeço pelo carinho e pela atenção de você, Assis Ramalho, e também agradeço a atenção dos ouvintes da Web Rádio Petrolândia e aos leitores do Blog de Assis Ramalho. E a mensagem que eu deixo é que nós não vamos desistir da nossa população. Nós buscaremos sempre o melhor, com força, coragem e determinação nós tentaremos sempre buscar o melhor, sempre buscar mais, principalmente para aqueles que mais precisam, mais necessitam dos nossos cuidados. Mais uma vez agradeço a você, Assis Ramalho, e estarei sempre disponível para maiores esclarecimentos, sobre o tema da minha área, que eu souber e puder esclarecer.

O áudio da entrevista irá ao ar na manhã desta terça-feira (15) na Web Rádio Petrolândia, dentro do programa ''Acordando com as Notícias'', apresentado por Assis Ramalho de segunda a sábado, das 05h30 às 08h30.

O programa ''Acordando com as Notícias'' é repleto de notícias locais, regionais, nacionais, internacionais, política, polícia, economia, cultura, esportes, manchete dos jornais do dia, utilidade pública, entrevistas e muito mais,

A Web Rádio Petrolândia funciona na Internet, através do site www.webradiopetrolandia.com.br, com o objetivo de levar a voz de Petrolândia aos petrolandenses em sua própria cidade e além das divisas e fronteiras.

Para instalar o aplicativo da Web Rádio Petrolândia no seu celular ou tablet, clique aqui>app Web Rádio Petrolândia

Redação do Blog de Assis Ramalho


0 comentários:

Postar um comentário