sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

Codevasf leva água tratada a mais de 1,5 mil moradores de comunidade rural em Pernambuco

Implantação do sistema teve recursos federais de aproximadamente R$ 1 milhão e inclui 340 unidades familiares de ligações domiciliares (Foto: Divulgação/Codevasf)

Mais de 1,5 mil moradores da Agrovila Massangano, comunidade situada na zona rural de Petrolina, semiárido pernambucano, passam a partir desta sexta-feira (13) a contar com água tratada chegando em torneiras instaladas na porta de suas casas. O sistema de abastecimento que inclui 340 unidades familiares de ligações domiciliares foi construído pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) e será inaugurado às 17h com a presença do superintendente regional da Companhia em Pernambuco, Aurivalter Cordeiro.

“A água estava muito fraca. Ficávamos praticamente sem água”, relata o morador Antônio da Silva Filho, um dos fundadores da comunidade Agrovila Massangano. Ele conta que, há pouco mais de 13 anos, as cerca de 180 famílias da localidade tinham água bruta encanada em suas casas - hoje a comunidade possui mais de 400 residências e o sistema de abastecimento de outrora já não comporta a nova realidade local.

A implantação do sistema teve recursos federais de aproximadamente R$ 1 milhão. Ele é composto por flutuante com dois conjuntos motobombas que captam água no rio São Francisco, uma estação de tratamento, um reservatório elevado com capacidade de 50m³ e um reservatório apoiado com capacidade de 30m³, adutora de água bruta e rede de distribuição de água tratada com 4,4 km de tubos.

O superintendente regional Aurivalter Cordeiro destaca que a Codevasf está “trabalhando forte” para concluir outros sistemas na região. “Na última semana inauguramos o sistema de abastecimento de água da comunidade de Pedrinhas. O povo precisa ter água tratada em casa, e é isso que estamos proporcionando”, frisa.

“Agora temos segurança de que não vai faltar água. Temos todo um sistema com reservatórios e bombas pra garantir que a água chegue em nossas casas - e agora a água é tratada”, celebra o morador Antônio da Silva Filho.

O sistema será operado pela prefeitura municipal de Petrolina, de forma direta, ou indiretamente por meio de concessão à Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa).

Codevasf


0 comentários:

Postar um comentário