quarta-feira, 19 de outubro de 2016

Presidente da Codevasf visita bancadas no Congresso e orienta sobre alocação de emendas


Kênia Marcelino (à dir.), presidente da Codevasf (Fotos: Cássio Moreira/Codevasf)


Assegurar mais recursos de emendas parlamentares no Orçamento Geral da União para que a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) possa reforçar as ações que beneficiam a população ribeirinha das bacias do São Francisco, Parnaíba, Itapecuru e Mearim. Esse foi o objetivo das reuniões da presidente da Codevasf, Kênia Marcelino, com os senadores Antonio Carlos Valadares, Edson Lobão, Otto Alencar e Roberto Rocha e com as bancadas dos estados de Sergipe, Bahia, Maranhão e Minas Gerais nesta terça-feira (18) no Congresso Nacional.

Kênia Marcelino apresentou aos parlamentares os principais programas e ações da Companhia para alocação de recursos de emendas, tanto individuais como de bancadas ou de comissões – entre eles o apoio a projetos de desenvolvimento sustentável local integrado, a reabilitação de projetos de irrigação, a implantação de obras de infraestrutura hídrica e a revitalização das bacias hidrográficas.

“A Codevasf tem uma parceria exitosa com o Congresso Nacional na importante missão de promover o desenvolvimento regional – em especial, por meio da execução de emendas parlamentares que possibilitam a realização de diversas ações, como implantação de obras de infraestrutura hídrica; pavimentação e manutenção de vias para escoamento de produção agropecuária, fornecimento de implementos e equipamentos agrícolas e patrulhas mecanizadas, apoio à produção agropecuária e aos arranjos produtivos locais, dentre outras que visam à melhoria da qualidade de vida da população”, destacou a presidente.

Nos últimos dias, os superintendentes regionais da Codevasf e os integrantes do Núcleo de Assessoria Parlamentar da Companhia também visitaram os parlamentares que representam a população da área de atuação da Codevasf a fim de orientá-los quanto à alocação de recursos de emendas que possam viabilizar obras e ações em benefício das comunidades ribeirinhas.

“Acho totalmente viável que os parlamentares possam direcionar uma emenda de bancada de um ponto de vista impositivo para efetuar ações em Sergipe, para revitalizar os perímetros irrigados. Acho importante que isso aconteça, uma emenda no valor de R$ 100 milhões. A presidente da Codevasf fez uma explanação importante, e espero que isso tenha sensibilizado os nossos parlamentares em favor de uma Codevasf forte”, afirmou o senador Antonio Carlos Valadares, durante a reunião com a bancada de Sergipe.

Desenvolvimento e revitalização

A Codevasf, empresa pública vinculada ao Ministério da Integração Nacional, tem por missão promover o desenvolvimento e a revitalização das bacias dos rios São Francisco, Parnaíba, Itapecuru e Mearim com a utilização sustentável dos recursos naturais e estruturação de atividades produtivas para a inclusão econômica e social.

As ações da Companhia beneficiam uma população de 26,7 milhões de pessoas, em 894 municípios, nos estados de Alagoas, Bahia, Ceará, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Pernambuco, Piauí e Sergipe e no Distrito Federal. A atuação da empresa abrange uma área de 1,09 milhão km² (13% do território nacional), desse total, 48% no semiárido.

Com sede em Brasília e 8 superintendências regionais, as linhas de negócio da Codevasf atendem as áreas de: Agricultura Irrigada, com destaque para a implantação e gestão de perímetros; Infraestrutura Hídrica, com a construção de barragens, adutoras, poços e sistemas de abastecimento de água; Revitalização de Bacias Hidrográficas, com ações estratégicas de esgotamento sanitário, processos erosivos, resíduos sólidos, abastecimento de água, hidrovia e recuperação de microbacias; Inclusão Produtiva e Apoio a Arranjos Produtivos Locais (APLs), destacando-se aquicultura, apicultura, fruticultura, agricultura familiar, capacitação de jovens, escoamento de produção, e fornecimento de equipamentos e implementos agrícolas; Pesca e Aquicultura, com as atividades dos Centros Integrados de Recursos Pesqueiros e Aquicultura; e Universalização do acesso a água, com a implantação de cisternas, sistemas simplificados de abastecimento de água e barreiros.

Além dessas ações, a Codevasf foi designada em 2014 como operadora federal do Projeto de Integração do Rio São Francisco com Bacias Hidrográficas do Nordeste Setentrional (PISF) e, com isso, passou a responder pelo exercício das funções necessárias à operacionalização e à manutenção da infraestrutura, entre outras atribuições. Quando finalizado, o Projeto de Integração do Rio São Francisco vai beneficiar 12 milhões de pessoas ao assegurar o abastecimento regular de 390 cidades em Pernambuco, Ceará, Paraíba e Rio Grande do Norte.

Codevasf


0 comentários:

Postar um comentário