terça-feira, 26 de dezembro de 2017

Escape das armadilhas e tenha tempo especial no INSS


O segurado que trabalha em condição prejudicial à saúde pode ter uma contagem mais vantajosa do tempo de contribuição ao INSS, mas é preciso batalhar para garantir que o direito seja reconhecido no posto.

Nem sempre o órgão aceita contar o período especial e, por isso, acaba concedendo um benefício menor ou negando a aposentadoria solicitada.

A atividade prejudicial, chamada insalubre, garante um bônus de 40% sobre cada ano de contribuição, no caso dos homens, e de 20%, no caso das mulheres.

Com isso, os trabalhadores que se expõe a riscos durante a jornada conseguem se aposentar antes.

Segundo dados apurados até setembro deste ano, apenas duas em cada dez aposentadorias por tempo de contribuição concedidas pelo INSS tiveram o reconhecimento do tempo especial.

Por: Jornal Agora SP


0 comentários:

Postar um comentário