quinta-feira, 10 de agosto de 2017

Profissões: como se preparar para o avanço tecnológico

Karla Françoise Gonçalo (Foto: Divulgação)

O avanço da tecnologia tem afetado vários setores importantes no mundo todo, principalmente, o da economia que vem passando por transformações avassaladoras colocando em risco milhares de profissões. Essa tecnologia vem convergindo numa velocidade sem precedentes substituindo pessoas por robôs. Na China, por exemplo, aplicativos que fazem as pessoas emprestarem dinheiro umas as outras vem fechando grandes financeiras.

Com isso, para os próximos anos, um alerta deve ser ligado para toda população, pois a profissão escolhida hoje pode mudar completamente e a empresa que se trabalha pode desaparecer. De acordo com a especialista em gestão de negócios e análise comportamental, Karla Françoise Gonçalo, é a hora de repensar as habilidades para se manter no mercado atual, afim de acompanhar sua evolução.

“A internet colocou o mundo nas nossas mãos e mudou completamente a velocidade das coisas. Precisamos mudar as configurações da nossa mente “mindset”(Mind= mente , set= configuração) e nos prepararmos pro que vem por aí”, comenta.

Ainda de acordo com a especialista, essa transformação começou a ser percebida na forma com que as empresas se relacionam com seus clientes. Exemplo disso pode ser percebido nas estratégias de marketing utilizadas para atender. Por exemplo, os aplicativos como o Whatsapp e o Instagram, além de servirem como redes de relacionamento, estão sendo usados para agilizar compras e aumentar as vendas no fim do mês. “Os vendedores de hoje estão criando suas listas de transmissão e utilizando os seguidores para enviar fotos dos produtos com os preços. Caso o cliente goste, é só separar e passar pra pegar economizando tempo nas escolhas”, explica.

DADOS -Pesquisas afirmam que em 2020 terão mais de 10 milhões de drones pelo mundo provendo serviços como: socorro, entregas, trabalhos jornalísticos (cobrindo área de perigo). O volume global do comércio eletrônico digital, por exemplo, alcançou em 2015 um trilhão de dólares e deve triplicar até 2020, significando que as pessoas estão comprando não em lojas físicas e sim em lojas virtuais.

Assistentes virtuais, wearables, inteligência artificial, realidade aumentada, drones, robótica, impressora 3D, sistemas cognitivos tudo isso tem mudado a forma com que as pessoas se relacionam no ambiente de trabalho e fora dele. Até 2025 ¼ dos empregos do mundo serão substituídos por robôs e software. Toda essa mudança tecnológica vai transformar as nossas profissões, algumas não acabarão mas necessariamente irão se transformar.

Patrícia França/Assessoria de Imprensa


0 comentários:

Postar um comentário