quinta-feira, 11 de janeiro de 2018

Ser Educacional firma convênio com o Ministério da Defesa

Parceria concederá descontos educacionais aos militares brasileiros e seus dependentes 

Disseminar uma educação de qualidade em todas as esferas é uma das missões do grupo Ser Educacional, considerada uma das empresas de maior destaque no segmento de Educação Superior no país. Prova disso, é que a Companhia firmou um convênio com Ministério da Defesa para viabilizar descontos educacionais aos militares brasileiros e seus dependentes nas Instituições de Ensino Superior (IES) mantidas pelo Grupo.

A assinatura do termo aconteceu na última sexta-feira (05), na sede do Comando da 10ª Região Militar – Região Martim Soares Moreno, em Fortaleza – Ceará. Na ocasião, estavam presentes o gerente geral da Pós-Graduação do Ser Educacional, Tibério Praxar, a coordenadora da Pós-Graduação em Fortaleza, Michele Alexandrino, o coronel José de Oliveira Alves, o coronel Leônidas Carneiro Junior e a sargento Talita Teixeira.

O convênio concede bolsas de estudos parciais nos cursos de graduação, pós-graduação e técnicos, tanto na modalidade presencial e de Ensino a Distância (EAD), em uma das unidades da UNINASSAU, UNAMA, UNIVERITAS ou UNINABUCO. São mais de 100 instituições participantes, com estruturas físicas e polos EAD, ofertando mais de 1.300 opções de cursos.

De acordo com Praxar, esta é uma excelente oportunidade para os servidores terem acesso a uma formação de qualidade. “Dispomos de uma infraestrutura de primeira linha. Além disso, os nossos professores possuem uma ampla experiência de mercado e estão sempre à disposição de forma presencial ou a distância. Tudo isso viabiliza a educação continuada para que ao fim do tempo de serviços os militares de carreira ou temporários estejam preparados para o mercado de trabalho”, explica.

A parceria é extensiva a todas as Forças Armadas do Brasil: Exército, Marinha, Aeronáutica, além de servidores civis, pensionistas. “Como todas as instituições do Grupo possuem uma matriz curricular equivalente, os beneficiados com o convênio terão um melhor aproveitamento dos estudos e não sentirão diferença em casos transferências de estado, o que é bastante comum na carreira militar”, explica Alexandrino.

Assessoria Ser Educacional


0 comentários:

Postar um comentário