domingo, 18 de junho de 2017

Petrolândia: Gambiarras em instalação elétrica de barracas de fogos chamam atenção na Orla Fluvial

Reprodução Celpe

Embora há mais de um mês há existam banquinhas ambulantes de vendas de fogos de artifício espalhadas por toda a cidade, as "barracas oficiais", na Orla Fluvial de Petrolândia, foram abertas recentemente para a comercialização dos explosivos tradicionalmente usados no período junino. Apesar de instaladas em local relativamente protegido, a poucos metros do Corpo de Bombeiros, a segurança na área parece ameaçada, não pelos fogos, mas pela instalação elétrica feita de forma precária, popularmente conhecida como gambiarra. 

O fio puxado do poste de iluminação pública, instalado no canteiro central da avenida Deputado Milvernes Cruz Lima, até um poste de tubo metálico, fixado no estacionamento da via, ao lado das barracas, aparenta estar baixo demais para a altura dos veículos que transitam na área. A ligação elétrica às barracas é feita com fios emendados.

A aparência da ligação elétrica é tão precária que a reportagem do Blog de Assis Ramalho, em passagem pelo local na tarde desse sábado (17), indagou a comerciante de uma das barracas se a instalação fora feita pela Prefeitura de Petrolândia ou pela Celpe (Companhia Energética de Pernambuco). A resposta é que foi feita pelo irmão de uma das comerciantes de fogos.

À noite, encontramos o eletricista da Prefeitura de Petrolândia, Gilmar Vieira, e indagamos sobre o assunto. O eletricista informou que não faz aquela instalação, porque é área de risco, sujeita a acidentes. 

A orientação da Celpe sobre as instalações para festas juninas é que "na hora de fazer a instalação elétrica de seu arraial, palco ou barraca, procure um profissional capacitado para fazer o serviço". No entanto, em notícia publicada no dia 8 deste mês em seu site, a empresa ressalta que "o fornecimento regular de energia nas barracas só pode ser ligado mediante a comprovação de que o local foi previamente vistoriado pelo Corpo de Bombeiros e pela administração municipal. A condição é que as instalações elétricas devem atender aos requisitos mínimos de segurança estabelecidos pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). A concessionária adverte ainda que os comerciantes dos pontos licenciados para venda deste tipo de material também devem dispor de extintores de pó químico seco e placas de proibido fumar".

"Os pedidos podem ser feitos em qualquer Loja Celpe no horário comercial com antecedência de, pelo menos, quatro dias do início da utilização da carga. Os interessados devem apresentar a licença de funcionamento concedida pela prefeitura, além de documentos de identidade e CPF", acrescenta a concessionária de energia.

Confira as principais dicas de segurança com relação à rede elétrica durante as festas juninas:

- Não solte balões. Eles podem causar grandes acidentes, principalmente se caírem dentro de subestações ou sobre redes elétricas;
- Não solte fogos perto da rede elétrica. Eles podem causar rompimento de cabos e acidentes;
- Não monte a fogueira embaixo da rede elétrica. O fogo ou excesso de calor pode danificar cabos e estruturas, causando curtos-circuitos e interrupção de energia;
- Na hora de fazer a instalação elétrica de seu arraial, palco ou barraca, procure um profissional capacitado para fazer o serviço. Fique atento às recomendações da Celpe disponíveis, gratuitamente, nas agências de atendimento ou no site www.celpe.com.br;
- Não faça ligação clandestina de energia. As pessoas que fazem ligações clandestinas correm riscos de sofrer choque e ainda prejudicam a qualidade da energia de seus vizinhos por causa da interferência na rede;
- Em caso de necessidade de aumento da carga - a exemplo de realização de festas e aquisição de novos eletrodomésticos – providenciar a readequação das instalações elétricas internas e informar previamente à Celpe;
- Não coloque enfeites perto da rede elétrica;
- Não utilize materiais condutores de eletricidade, como fitas metalizadas, papel alumínio ou laminado e arames para prender bandeirinhas e enfeites. Utilize sempre barbante comum ou fitilho plástico;
- Não se aproxime ou toque na rede elétrica;
- Em caso de acidente envolvendo a rede elétrica, informe à Celpe imediatamente;
- Em caso de fio caído, fique longe e ligue 116.

Redação do Blog de Assis Ramalho
Fonte: Celpe


0 comentários:

Postar um comentário