quinta-feira, 25 de maio de 2017

Passageiro reage a assalto a ônibus no Recife, mata suspeito e deixa outro ferido


Uma tentativa de assalto a um ônibus BRT, no bairro da Várzea, Zona Oeste do Recife, terminou com um suspeito morto e outro ferido, durante a noite de quarta-feira (24). De acordo com a Força-tarefa de Homicídios da Polícia Civil (PC), o caso ocorreu no cruzamento entre a Avenida Afonso Olindense e a Avenida Caxangá, por volta das 18h, quando dois homens armados com facas anunciaram o assalto ao coletivo, mas foram surpreendidos pela reação de um passageiro, que efetuou disparos de arma de fogo.

A Polícia Civil informou também que o homem baleado está foragido. A princípio, havia sido divulgada a aprisão do suspeito, mas informação não teve confirmação da corporação.

Ainda segundo a corporação, um passageiro portava um revólver e agiu para impedir o crime. O homem atingiu um dos suspeitos na perna e nas costas. O outro, que morreu na hora, levou tiros na cabeça.

O Insituto de Medicina Legal (IML) esteve no local para recolher o corpo. O passageiro que estava armado no coletivo ainda não foi identificado.

As investigações sobre o caso ficarão a cargo da força-tarefa que investiga casos de assalto a ônibus, sob a chefia do delegado Joel Venâncio.

Em abril deste ano, um soldado da Polícia Militar reagiu a uma tentativa de assalto a uma estação de BRT no bairro de Santo Antônio, no Centro do Recife, e baleou um homem que estava armado com uma faca, segundo a PM. O caso aconteceu por volta das 13h30 do dia 21, na Estação Maurício de Nassau, localizada na Rua Martins de Barros.

Também de acordo com a PM, o soldado voltava para casa depois do expediente quando dois homens armados com facas entraram na estação e renderam os passageiros que aguardavam o transporte público.

No momento em que a dupla tentou abordar o soldado, ele atirou. Um deles ficou ferido na região do abdômen e, segundo a PM, foi encaminhado ao Hospital da Restauração, no Derby, na área central da capital pernambucana.
G1 PE


0 comentários:

Postar um comentário