Publicidade
ESTE BLOG ESTÁ EM REFORMA. AGRADECEMOS A COMPREENSÃO.

Felipe Melo defende participação de Bolsonaro em jogo da taça e ironiza: “Quer chamar quem está preso?”


O volante Felipe Melo nunca escondeu ser um eleitor e defensor do presidente eleito Jair Bolsonaro, e diante das polêmicas por causa da participação do político no jogo da entrega da taça do título do Campeonato Brasileiro do Palmeiras, no último domingo (2), o camisa 30 do Verdão fez questão de defender a presença de Bolsonaro e resumiu toda a repercussão negativa como “mimimi”.

“Normal, normal, é o nosso presidente. Quer chamar quem? Quem está preso? P… mimimi do caramba“, disse o jogador na noite desta terça-feira (4), durante evento do Troféu Mesa Redonda, da TV Gazeta, ironizando a situação do ex-presidente Lula, do PT, que está preso em Curitiba.

Vale lembrar que Bolsonaro foi convidado pelo Palmeiras para assistir ao jogo da entrega da taça. Antes da partida, o presidente eleito aproveitou para visitar o vestiário, conhecer os jogadores do clube e o técnico Luiz Felipe Scolari. Além disso, ele também esteve na presença de Leila Pereira, conselheira do Verdão e presidente da Crefisa, a patrocinadora do clube.

Após o apito final, Bolsonaro desceu até o gramado, confraternizou com os jogadores, participou da entrega das medalhas e chegou a erguer a taça.

Por: Portal Torcedores

Comentários

Publicidade