Publicidade

Petrolândia: Conheça os resultados do 1º turno, com votações individuais dos candidatos a todos os cargos

Algumas seções eleitorais em Petrolândia registraram grandes filas até o final da votação (Foto: Assis Ramalho)

Nesse domingo (07), 78,07% dos eleitores aptos a votar no município de Petrolândia compareceram às urnas para o primeiro turno da eleição 2018. A surpresa da eleição para presidente da República no município foi o quarto lugar conquistado pelo Cabo Daciolo (Patriotas), com 1,16% dos votos válidos. O bombeiro militar evangélico superou, entre outros, Geraldo Alckmin (0,92%), João Amoêdo (0,65%), Henrique Meirelles (0,36%) e Marina Silva (0,31%). O candidato mais bem votado ao cargo foi Fernando Haddad (PT), com 11.691 votos (68,45%). Apesar da intensa militância, a votação de Jair Bolsonaro (PSL) ficou em 17,78% (3.036 votos), inferior ao número de eleitores que não compareceram às urnas (abstenção), apurado em 21,93% do eleitorado. Ciro Gomes (PDT), ficou em terceiro lugar com 9,94%.

Confira no quadro abaixo a votação para presidente.



Eleição para governador

Em Petrolândia, o favoritismo do governador Paulo Câmara nas pesquisas foi confirmado. Reeleito em primeiro turno, sob os auspícios do PT, Câmara conquistou 8.590 votos, 60,68% dos votos válidos. Armando Monteiro obteve 4.718 (33,33%). A candidata do PSOL, Dani Portela, foi a terceira mais bem votada (456 votos), com 3,22%. Em processo de expulsão da Rede por ter-se unido a grupo de apoio à candidatura de Bolsonaro, Júlio Lossio conquistou 279 votos no município (1,97%).



Senador

Humberto Costa (PT) foi o grande destaque da eleição para o senador, em Petrolândia. Foram 9.127 votos (34,66%). Jarbas Vasconcelos (MDB) ficou em segundo lugar, com 26,33% (6.935 votos). Mendonça Filho, do DEM (4.086 votos), Bruno Araújo, do PSDB (2.987 votos) e Sílvio Costa, do Avante (2.341 votos) foram os mais bem votados na sequência. O total de votos de Mendonça Filho aproxima-se da votação de Armando Monteiro, que recebeu 4.718. Já Bruno Araújo (cujo voto que sacramentou o impeachment de Dilma Rousseff na Câmara de Deputados), não acompanhou o desempenho do companheiro de chapa. 


Deputado federal

Em Petrolândia, os cinco candidatos mais bem votados para a Câmara Federal de Deputados foram Augusto Coutinho (SD), com 2.719 votos (17,07%), Zeca Cavalcanti (PTB), com 2.385 votos (15,06%), João Campos (PSB), com 1.485 votos (9.38%), Kaio Maniçoba (SD) com 1.040 votos, e Carlos Veras (PT), com 889 votos (5,61%). Fernando Filho (DEM)obteve 870 votos (5,49%), em sexta colocação entre os mais votados na cidade. Zeca Cavalcanti e Kaio Maniçoba não foram reeleitos.

Candidatos da própria cidade, Jackson Bila (DC) obteve 272 votos e Potyra, do mesmo partido, 154.

Conferir a votação completa para deputado estadual>votação deputado federal 2018 Petrolândia-PE


Deputado estadual

Na eleição para a Assembleia Legislativa de Pernambuco, o médico diretor do IBVASF, sediado em Petrolândia, Dr. João Lopes (PCdoB), foi o campeão dar urnas de Petrolândia, com 6.198 votos (36,50%), mas, com total de 19.577 votos, ainda não foi desta vez eleito deputado estadual.

Em segundo lugar Rodrigo Novaes (PSD), obteve 3.575 votos (21,05%), seguido por Alberto Feitosa (SD), com 1.912 votos (11,26%), Fabrizio Ferraz (PHS), com 658 (3,88%), Everaldo Cabral (PP), obteve 368 votos (2,17%) e Doriel Barros (PT), com 367 votos (2,16 %). Com laços familiares em Petrolândia, Everaldo Cabral não foi reeleito. 

Sebastião Oliveira (PR), com 636 votos, e Marília Arraes (PT), com 485 votos, também foram destaques na votação em Petrolândia. Popularmente conhecido como "namorado de Fátima Bernardes", o ex-presidente do Iterpe Túlio Gadêlha, obteve 181 votos, desempenho superior em Petrolândia do que nomes mais antigos antigos na política, como Gonzaga Patriota, Danilo Cabral e Tadeu Alencar, do PSB, e o vice-governador Raul Henry. Todos os citados foram eleitos ou reeleitos. 

Conferir a votação completa para deputado estadual>Votação deputado estadual 2018 Petrolândia-PE


(...) Ver intervalo no arquivo.

Abaixo votação de Dr. João e demais candidatos a deputado estadual mais bem votados em Petrolândia, não eleitos. 



Redação do Blog de Assis Ramalho

Comentários

Publicidade