Publicidade

Sport e Santa Cruz fazem nesta quinta o primeiro de quatro Clássicos das Multidões


Sport e Santa Cruz iniciam nesta quinta (6/3) às 20h30, na Ilha do Retiro, uma série de quatro Clássicos das Multidões neste mês. A partida de logo mais é válida pela quinta rodada do Hexagonal do Título do Pernambucano. Os rivais ainda irão se enfrentar no dia 26 pelo Estadual, mas antes terão dois confrontos pelas semifinais da Copa do Nordeste, dia 12 e 19.

Nos últimos três anos, o clássico entre rubro-negros e tricolores voltou a recuperar a sua chama de rivalidade, pois Sport e Náutico estavam monopolizando as atenções devido à forte crise em que o clube coral estava afundado, que culminou até com o rebaixamento para a Série D do Brasileiro. Mas de 2011 até 2013, os tricolores conquistaram o tricampeonato estadual em cima dos leoninos, além do acesso à Série B na temporada passada.


Para esquentar ainda mais a temperatura, a última derrota do Santa para o Sport ocorreu no dia 15 de abril de 2012, na Ilha, 2x1. Além disso, o time coral leva vantagem atuando na casa do rival neste período. Foram cinco jogos (veja quadro ao lado), com quatro vitórias tricolores e uma rubro-negra. É preciso levar em conta que do tricampeonato, dois títulos foram comemorados na Ilha (2012 e 2013).


O clássico também cresce devido à situação de ambos no Pernambucano. O Sport perdeu para o Náutico por 2x1 antes da parada para o Carnaval, enquanto o Santa não vence há três partidas pelo Estadual. O tricolor tem apenas uma vitória (4x2 sobre o Central) e soma cinco pontos. O Leão tem sete.

Para o jogo, o técnico Vica terá o retorno do meia Raul, recuperado de uma lesão no tornozelo esquerdo. Ele volta no lugar de Jefferson Maranhão. A novidade é o garoto Patrik, 20 anos, na ala no lugar de Panda, com uma lesão no joelho esquerdo. “Treinamos muito durante o Carnaval. O time está pronto. Só não posso adiantar sobre o que fizemos no último treino”, argumentou Vica, que ontem fechou o Arruda para a imprensa e torcedores.

Já Eduardo Baptista espera até o meio-dia desta quinta o lateral-direito Patric – que teve uma entorse no tornozelo esquerdo. “Patric já sabe direito o que tem que fazer. Dei um prazo para ele até o meio-dia para definir. Se não der, entra o Renato”, disse o técnico do Sport. No ataque, Felipe Azevedo ganhou a vaga de Érico Júnior. E o atacante novato Bruninho foi relacionado e irá para o banco.

Fonte: Jornal do Commercio

Comentários

Publicidade