domingo, 15 de abril de 2018

Em jogo festivo, Barcelona Legends derrota a Seleção Pernambucana por 1 a 0 na Arena



Neste sábado (14), um jogo festivo que teve boas doses de competitividade. Barcelona Legends contra a Seleção Pernambucana reuniu diversos ídolos do time catalão e outros que brilharam no futebol pernambucano. Nomes como Rivaldo, Edmilson, Beletti, enfrentando Grafite, Carlinhos Bala e Kuki. Por mais que sejam jogadores aposentados, a técnica entre esses craques segue apurada.

O primeiro tempo começou tímido, com as duas equipes chegando ao ataque sem pressa. A Seleção Pernambucana sentiu, de início, a falta de entrosamento. O Barcelona Legends soube aproveitar isso e conseguiu abrir o placar com o meia Giovanni. O camisa 10 recebeu pelo lado direito de grande área, puxou para o meio e bateu forte de pé esquerdo. Após o gol, os pernambucanos encontraram seu encaixe. Passaram a dominar as ações ofensivas e quase chegaram ao empate por duas vezes, com Denis Marques. Inclusive, o “predador” foi o jogador mais perigoso do elenco pernambucano.

A resposta do time azul grená não demorou a vir. Rivaldo, da entrada da área, mandou uma bomba no travessão de Bosco. A Seleção Pernambucana demonstrou mais empolgação e correria na primeira etapa, mas a organização do Barcelona se sobressaía, evitando grandes sustos e chegando ao ataque apenas em boas condições para tentar o gol.

O segundo tempo iniciou de maneira mais morna do que o primeiro tempo. Entretanto, isso não diminuía a festa da torcida presente, que puxava gritos de “tri-tri-tricolor”, “cazá-cazá” e “N-á-u-t-i-c-o”. Rivaldo entrou em campo pela Seleção Pernambucana no começo da etapa final e mostrou que ainda tinha gás para incomodar a defesa catalã, assim como fez com a pernambucana no primeiro tempo. O Barcelona tentou com Giovanni, batendo de fora da área para defesa segura de Bosco. Denis Marques ainda teve outra chance de empatar, mas parou em boa intervenção de Arnau.

Com boas trocas de passes, o Barcelona conseguiu envolver a equipe local e chegar com perigo ao gol. Porém, o preciosismo em algumas jogadas fez com que as chances não fossem convertidas. Os pernambucanos ainda insistiram com Carlinhos Bala, Grafite e Rivaldo, mas a rede não balançou. O time espanhol venceu por 1 a 0 e saiu com sorrisos e agradecimentos aos 18.232 espectadores presentes.


Superesportes/Diário de Pernambuco
Fotos: Seturel e Superesporte


0 comentários:

Postar um comentário