terça-feira, 27 de fevereiro de 2018

Candidato do concurso da Polícia Militar de Alagoas morre após teste físico


Após sofrer uma parada cardíaca durante o Teste de Aptidão Física (TAF), um dos candidatos do concurso da Polícia Militar morreu, na noite deste segunda-feira (26), no Hospital Geral do Estado (HGE). De acordo com a assessoria da unidade de saúde, ao chegar ao hospital, Diego de Cerqueira, de 28 anos, foi encaminhado para a área vermelha.

O candidato, que é natural de Recife, em Pernambuco, foi entubado e sedado pela equipe médica, mas não resistiu. A assessoria da Polícia Militar informou que o candidato começou a se sentir mal por volta das 16h durante o teste, nesta segunda-feira. Diego recebeu os primeiros atendimentos médicos ainda no local.

Ele foi avaliado por uma médica cardiologista que estava de plantão para suporte aos candidatos durante o TAF. Após o atendimento, ele foi levado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Trapiche da Barra, onde o teste estava sendo realizado. Em seguida, Diego foi transferido para o HGE.


O candidato chegou em estado grave. A assessoria do HGE informou ainda que há a suspeita que Diego tenha sofrido uma outra parada cardíaca. As condições do teste e a causa da morte ainda serão investigadas.

Teste de Aptidão Física

Os percursos são de 2 mil metros para os homens e 1.800 para as mulheres. Os candidatos partem da Academia da PM, seguiram até as proximidades da Santa Casa de Misericórdia e em seguida retornavam para o mesmo ponto.

Esta é considerada a última etapa dos exames físicos do concurso, que abrange 1.571 candidatos divididos em turmas por horário.

Por: Gazeta Web


0 comentários:

Postar um comentário