domingo, 24 de dezembro de 2017

Petrolândia: Vereadores de oposição questionam aumento de IPTU e UFM para compensar isenção de impostos sobre obras de 96 casas populares e propõem enquete à população, durante entrevista à Web Rádio Petrolândia


Vereadores de oposição concederam entrevista na manhã deste sábado (23) no programa Acordando com as Notícias pela Web Rádio Petrolândia) 
 

Os vereadores Louro do Vidro, Professor Evaldo, Zé Pezão e Joilton, integrantes da Bancada de Oposição na Câmara Municipal de Petrolândia, foram entrevistados ao vivo na manhã desse sábado (23), pelo radialista e blogueiro Assis Ramalho, no programa 'Acordando com as Notícias', transmitido pela Web Rádio Petrolândia. Na oportunidade, os legisladores petrolandenses avaliaram o ano político no município e as expectativas para as próximas eleições. A matéria completa, inclusive com áudio da entrevista, será postada em breve neste blog.

Na oportunidade, com a participação de ouvintes, também foi tratado um tema bastante polêmico. Trata-se de um Projeto de Lei, em tramitação na Câmara Municipal, que poderá ter impacto direto sobre os proprietários dos imóveis, segundo os vereadores. O Projeto em questão isenta da cobrança de impostos municipais a empreiteira 2Ms que realizará a construção das casas populares no âmbito do programa Minha Casa Minha Vida. De acordo com informações dos vereadores, a construtora que teve o projeto aprovado pelo Ministério das Cidades teria condicionado a construção do Residencial Dr. Francisco Simões de Lima/Etapa 01, com 96 unidades residenciais, à isenção de impostos pelo município. O maior problema, porém, seria a elevação escalonada do IPTU, nos próximos anos, que seria uma medida de compensar o Município para repor as perdas de receitas com a isenção proposta.

Diante do impacto financeiro do aumento de impostos a todos os proprietários de imóveis, os vereadores ainda propõem escutar a população, por meio de enquetes nos blogues da cidade, para avaliar o apoio à isenção proposta e consequente elevação do IPTU.

A enquete está disponível no Facebook

Veja abaixo a íntegra da nota dos vereadores.

"Nota a Imprensa e à população de Petrolândia PE.

O motivo pelo qual nos reportamos aos amigos da imprensa e a população petrolandense, a parte que tem acesso aos referidos meios de comunicação a APROVAÇÃO de um Projeto de Lei que tramita na Câmara Municipal, e que no nosso entendimento, tem impacto direto no dia a dia de todos os petrolandenses. Como o Projeto tem teores que podem impactar diretamente na vida da população do município nada mais justo do que consultá-la para saber a opinião e a posteriori tomar a decisão devida de forma que a mesma não venha a ser prejudicada.

O Projeto em questão é o que trata da isenção de impostos por parte do município em favor da Construtora que irá construir as casas populares anunciadas recentemente há poucos dias atrás nos meios de comunicações do município. Ocorre que de acordo com a construtora as referidas casas só serão construídas se o município isentar os impostos. A questão que precisamos ouvir a população é: Sendo que o município para dispensar os citados impostos precisa fazer a compensação, ou seja, aumentar outros impostos para suprir a quantia que será isenta e desta forma a compensação será feita com um aumento de 20% no IPTU do Município em 2018, 20% no IPTU em 2019, 20% no IPTU em 2020 e um aumento de 17,7% aproximadamente na UFM (Unidade Financeira Municipal) que está presente em todas as taxas cobradas pelo município.

Assim sendo, nós vereadores ou pelo menos parte deles, queremos que os nobres colegas blogueiros lancem enquetes para saber da população se a mesma é a favor da construção das casas mediante os aumentos referidos ou se é contra aos aumentos mesmo sabendo que desta forma as casas não serão construídas."

Redação do Blog de Assis Ramalho


0 comentários:

Postar um comentário