sexta-feira, 10 de novembro de 2017

Tacaratu: Inquérito Civil do MPPE busca reduzir acidentes na rodovia que atravessa centro da cidade

Centro da cidade de Tacaratu (Foto: Assis Ramalho/Blog AR)

A Promotoria de Justiça de Tacaratu instaurou o Inquérito Civil n.º 007/2017 com o objetivo de colher informações e demais diligências necessárias para alterar o traçado da PE-375. A alteração seria por fora da zona urbana.

Tacaratu encontra-se em uma região cercada por montanhas e vales, situada a 514 metros de altitude, sendo toda sua extensão urbana cortada pela rodovia estadual PE-357. Este relevo irregular, junto ao corte da rodovia pelo interior da zona urbana do município, acaba contribuindo para o alto índice de acidentes viários, alguns até com vítimas fatais.

No entanto, existe alternativa para contornar a situação de risco atual. Há uma possibilidade de traçado por fora da zona urbana, em extensão não superior à cinco quilômetros, com evidentes benefícios, sendo esse um desejo comum de toda a população local.

Para discutir essa alteração, será realizada uma audiência pública em 21 de novembro, na sede da câmara de vereadores de Tacaratu, às 09h.

Com informação do Ministério Público de Pernambuco (MPPE)


0 comentários:

Postar um comentário