sexta-feira, 3 de novembro de 2017

Subtenente da PM reage a assalto e é assassinado a tiros em bar de Petrolina, no Sertão de PE


Pedro Olindino da Silva, 51, morreu durante tentativa de assalto - Foto: Cortesia

Um Policial militar de 51 anos foi assassinado na noite desta quinta-feira (2) em Petrolina, Sertão de Pernambuco. De acordo com a polícia, o subtenente Pedro Olindino da Silva estava voltando da visita ao túmulo do pai em Uruás, na Zona Rural do município, quando parou em um bar para usar o sinal de internet. O PM foi morto durante uma tentativa de assalto no local.

O crime aconteceu quando dois homens chegaram em uma moto e tentaram roubar uma outra pessoa que também havia acabado de chagar ao bar. Os bandidos anunciaram o assalto e começaram a recolher os pertences das pessoas que estavam no estabelecimento. O subtenente reagiu e trocou tiros com os assaltantes.


Mesmo ferido, o policial ainda conseguiu atingir um dos bandidos, que também morreu no local. O comparsa fugiu com armas do subtenente e do outro assaltante. Ele foi perseguido de carro por uma pessoa que estava no bar, teve a moto atingida, caiu, mas conseguiu escapar pela caatinga.

O subtenente Pedro Olindino estava na reserva há dois meses, depois de servir durante mais de 30 anos na corporação. O corpo do policial foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Petrolina.

O assaltante morto pelo policial no bar foi identificado como Thiago dos Anjos Soares, de 20 anos. O corpo dele também foi encaminhado para o IML.

Nota de pesar

Através de nota, a Polícia Militar de Pernambuco lamentou a morte do subtenente. Confira.

"O Subtenente Olindino ingressou na corporação em 1988 e a pouco mais de dois meses havia passado para a reserva remunerada, cumprido sua missão nas fileiras da Polícia Militar. Todos que fazem o 5º BPM estão consternados, bem como se solidarizam com os familiares do herói Olindino, que tombou lutando, na tentativa de proteger a si e a sociedade”.

G1 Petrolina


0 comentários:

Postar um comentário