sexta-feira, 3 de novembro de 2017

Novas estratégias criam reação econômica imediata para a classe empresarial


O desemprego ficou em 12,4% no último trimestre encerrado em setembro, segundo dados da Pnad Contínua, divulgados na última terça-feira (31) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A queda foi de 0,6 ponto percentual em relação ao trimestre abril-maio-junho que foi de 13%).

A expectativa de melhores condições econômicas para o crescimento, está fazendo empresários de diversos setores procurar orientação para uma melhor atuação da classe empresarial.

Para Fabiano Pinheiro, diretor do Instituto Você Melhor, ter confiança no potencial da empresa é o requisito principal para que esteja preparado para os desafios da economia. “O mercado oscila e continuará oscilando. É preciso remar independente do vento”, disse Fabiano. Segundo ele, ser transparente com a equipe de colaboradores é um dos grandes segredos do líder moderno.

Para Fabiano, a classe empresarial precisa aceitar que o colaborador representa diretamente o valor da empresa. “O corpo funcional está diante do cliente todos os dias, seja de forma presencial ou online, é ele quem cria a imagem da empresa, por isso, se faz tão necessário priorizar o aprimoramento do material humano”, comentou Fabiano.

Por conta da necessidade imposta pelo mercado, a partir do dia 11 de novembro, o Instituto Você Melhor iniciará a última turma do curso “Vender e Vencer”. Entre os assuntos abordados durante o curso estão: a ética, a integridade, o profissionalismo, a necessidade de prospecção de clientes e o senso de justiça na negociação.

“Os clientes estão no mesmo lugar. Muitas vezes o produto é bem conhecido, entretanto, para que haja a reestruturação da empresa, será necessário uma estratégia milimetricamente perfeita com colaboradores capacitados e cientes do papel que exercem”, concluiu Fabiano Pinheiro.

Rômulo França
Assessoria de Imprensa
Assessoria de Comunicação


0 comentários:

Postar um comentário