sábado, 4 de novembro de 2017

Corpo de subtenente da PM morto em tentativa de assalto é velado em Petrolina


O corpo do subtenente Pedro Olindino da Silva, de 51 anos, está sendo velado em Petrolina, no Sertão de Pernambuco. O Policial Militar foi assassinado na noite da última quinta-feira (2), durante uma tentativa de assalto no povoado de Uruás, na Zona Rural do município. O subtenente estava aposentado há dois meses.

O velório do subtenente começou na sexta-feira (3), sendo aberto apenas para os familiares. Neste sábado, a cerimônia foi aberta para outras pessoas. Amigos do PM e colegas de profissão estão presentes na despedida de Olindino.

A família do policial não permitiu que fossem feitas imagens do local. Nenhum dos presentes também quis gravar entrevista. O corpo do subtenente será sepultado na tarde deste domingo (5), no Cemitério Campo da Paz, no bairro Henrique Leite.


De acordo com a polícia, o subtenente Pedro Olindino estava voltando da visita ao túmulo do pai em Uruás quando parou em um bar para usar o sinal de internet. O PM foi morto durante uma tentativa de assalto no local.

O crime aconteceu quando dois homens chegaram em uma moto e tentaram roubar uma outra pessoa que também havia acabado de chagar ao bar. Os bandidos anunciaram o assalto e começaram a recolher os pertences das pessoas que estavam no estabelecimento. O subtenente reagiu e trocou tiros com os assaltantes.

Mesmo ferido, o policial ainda conseguiu atingir um dos bandidos, que também morreu no local. O comparsa fugiu com armas do subtenente e do outro assaltante. Ele foi perseguido de carro por uma pessoa que estava no bar, teve a moto atingida, caiu, mas conseguiu escapar pela caatinga. O homem está sendo procurado pela polícia.

Por G1 Petrolina


0 comentários:

Postar um comentário