sexta-feira, 10 de novembro de 2017

Atriz e humorista Márcia Cabrita morre aos 53 anos

Márcia Cabrita no lançamento da novela 'Novo Mundo', seu trabalho mais recente. (Foto: Mauricio Fidalgo/GShow)

A atriz e humorista Márcia Cabrita morreu aos 53 anos nesta sexta-feira (10). Em 2010, ela foi diagnosticada com câncer no ovário e se submeteu a uma cirurgia para a retirada dos ovários e do útero. Em seguida, iniciou quimioterapia para tratamento da doença.

Em nota, o hospital Quinta D´Or, onde Márcia estava internada, "lamenta e confirma o óbito da paciente Márcia Martins Alves por câncer avançado".

O velório de Márcia será no sábado (11), das 10h às 13h, no cemitério Parque da Colina, em Niterói.

O trabalho mais recente de Márcia foi na novela "Novo Mundo", exibida pela TV Globo na faixa das 18h entre março e setembro deste ano. Ela interpretava a personagem Narcisa.

Seu papel mais conhecido foi no humorístico "Sai de baixo", também da Globo. Ela participou do programa entre 1997 e 2000, no papel da empregada Neide Aparecida. Desde maio, o programa voltou a ser exibido nas tardes de sábado, na "Sessão Comédia", logo após o "Jornal Hoje".

Ela estreou na TV na minissérie "As noivas de Copacabana" (1992). Dentre as novelas nas quais atuou, estão "Desejos de mulher" (2002), "Sete pecados" (2007), "Beleza pura" (2008) e "Morde & Assopra" (2011).

Ela também fez participações na série "Brava gente" (2000), no "Sítio do picapau amarelo" (2003) e nos humorísticos "Sob nova direção", "A grande família" e "Pé na cova".

Mais recentemente, Márcia Cabrita esteve nos programas "Vai que cola", "Trai e coçar é só começar" e "Treme Treme", exibidos pelo Multishow.

Márcia nasceu em Niterói em 20 de janeiro de 1964. A atriz deixa uma filha, Manuela, de 15 anos.

Cacau Protásio, amiga da atriz, fez um post nesta manhã em seu Instagram. "Amiga Vai com Deus. Eu tive o prazer, à alegria, a sorte de trabalhar, conviver, contracenar com você, eu amo você, o céu está em festa, pois está recebendo o anjo mais lindo, você fará muita falta, nos encontramos no céu".

G1


0 comentários:

Postar um comentário