quarta-feira, 18 de outubro de 2017

Novos municípios do Baixo São Francisco são contemplados com planos de saneamento básico

Foto: Delane Barros/Ascom CBHSF

Os prefeitos dos municípios alagoanos de Feliz Deserto, Penedo, Piaçabuçu, Santana do Ipanema e Major Isidoro estiveram pessoalmente para assinar os termos de referência para a elaboração dos planos municipais de saneamento, documento financiado pelo Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco (CBHSF). Por motivos pessoais, o prefeito de Pacatuba (SE) enviou o secretário de Meio Ambiente para representá-lo na solenidade, realizada na tarde desta segunda-feira (16 de outubro) no auditório da Associação dos Municípios Alagoanos (AMA).

Durante a solenidade, o presidente do CBHSF, Anivaldo Miranda, fez uma explanação sobre os investimentos do colegiado na rubrica de saneamento básico. “Entre os anos de 2014 e 2016, contratamos 25 planos municipais de saneamento, ao custo de mais de R$ 5 milhões. Atualmente, outros 42 planos estão em fase de elaboração e aí estão investidos outro montante superior a mais R$ 5 milhões e no nosso Plano de Aplicação Plurianual, o nosso planejamento orçamentário, estão previstos quase R$ 25 milhões somente para a rubrica saneamento básico, para o período 2018 a 2020”, resumiu Miranda.

O vice-presidente do colegiado, Maciel Oliveira, também fez um pronunciamento, no qual destacou a importância do investimento feito pelo CBHSF nessa área. Para ele, essa é uma das formas mais eficazes de oferecer água com qualidade e em maior quantidade para o Velho Chico.

O prefeito de Penedo, Marcius Beltrão, agradeceu o investimento feito pelo Comitê no município, mas antecipou uma preocupação que tem ao receber o documento. “Reconhecidamente, essa é uma grande contribuição do Comitê, mas nossa preocupação permanece, pois depois que a Câmara de Vereadores transforma esse texto em lei, temos que buscar dinheiro federal para realizar o saneamento. Essa é uma preocupação nossa e que a União deveria ser mais sensível a isso”, protestou.

Em resposta ao prefeito, Ana Catarina de Azevedo Lopes, da Câmara Técnica de Planos, Programas e Projetos (CTPPP), explicou que cabe ao CBHSF a parte técnica. Também membro do Comitê, Antônio Jackson Borges demonstrou sua felicidade em ver o investimento do colegiado em área tão importante. O presidente da Companhia de Abastecimento de Alagoas (Casal), Clécio Falcão, também participou da solenidade e reforçou a importância do investimento proporcionado pelo Comitê nessa área de saneamento.

A empresa Premier, vencedora da licitação para a elaboração desse bloco de planos de saneamento, terá o prazo de 12 meses para realizar o trabalho, conforme consta no contrato e referendado pelo representante da firma, Rafael Meira Salvador. O financiamento não exige qualquer contrapartida do Executivo municipal. “Fazemos todo esse esforço no intuito de contar com o empenho dos prefeitos para que o plano de saneamento saia da gaveta e se torne real, em benefício da população e do São Francisco”, concluiu o presidente do CBHSF, Anivaldo Miranda.

Ascom CBHSF


0 comentários:

Postar um comentário