terça-feira, 10 de outubro de 2017

Após protesto de índios com bloqueio de ponte de Paulo Afonso, novo coordenador da Funai renuncia ao cargo


Cerca de duzentos índios da Bahia e de Pernambuco fecharam, nesta terça-feira (10), por volta das 5h, a ponte que dá acesso à ilha de Paulo Afonso, no norte da Bahia, em protesto contra a Fundação Nacional do Índio (Funai).

De acordo com os manifestantes, eles só iriam liberar a ponte quando o coordenador regional da Funai, Edson Oliveira Maciel, conhecido como Dinho, renunciasse ao cargo. Segundo o grupo, a Funai não respeita os direitos indígenas. Após quase cinco horas de protesto, Edson Maciel renunciou ao cargo.

No último dia 2 de outubro, os índios ocuparam a sede da Funai de Paulo Afonso, e, mesmo com a renúncia do coordenador nesta terça-feira, eles disseram que vão continuar no local até que a fundação dê explicações a respeito dos direitos indígenas.

A reportagem da TV São Francisco tentou falar com a Funai da cidade, mas não teve retorno. Às 14h desta terça-feira, os índios devem ir ao Ministério Público de Paulo Afonso para uma reunião.


Notícia relacionada 


0 comentários:

Postar um comentário