sexta-feira, 15 de setembro de 2017

Rodrigo Novaes se posiciona contra privatização da Chesf em audiência pública realizada em Petrolina


Pela manhã estive em Petrolina participando de audiência pública para discutir a privatização da Eletrobrás, da CHESF. Nosso posicionamento é contrário, tendo em vista a importância do rio São Francisco para o desenvolvimento da região. O setor energético precisa fazer parte do patrimônio do povo por sua inafastável importância como alicerce para o desenvolvimento do país. Entregar as hidrelétricas, que dão lucro, permitindo que o rio São Francisco se transforme em propriedade privada, dificultando que o rio cumpra seu papel social, é um grande equívoco. Não faço o discurso radical contra privatizações. Mas essa não pode acontecer. 20 bilhões não vão salvar o país de suas dívidas.

Rodrigo Novaes 


0 comentários:

Postar um comentário