terça-feira, 1 de agosto de 2017

Petrolândia: Vereadores Toinho e Eudes Fonseca solicitam criação da Ouvidoria Municipal de Segurança

Preocupação com violência e criminalidade é cada vez mais frequente em Petrolândia (Foto: Assis Ramalho/Arquivo BlogAR)

Na quarta-feira passada (26), entre as indicações da pauta da sessão ordinária da Câmara Municipal de Petrolândia, os vereadores Eudes Fonseca (PV) e Toinho (SD) apresentaram em conjunto a Indicação nº 113/2016, da mesma data, dirigida à Prefeitura de Petrolândia, para que seja criada a Ouvidoria Municipal de Segurança, complemento das ações da Guarda Municipal. 

A preocupação com a criminalidade, aliás, foi um dos temas do 4º Congresso Pernambucano de Municípios, promovido pela Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe), realizado de 25 a 27 deste mês, no Centro de Convenções, em Olinda. A palestra “A segurança cidadã e as políticas de prevenção” foi ministrada pelo secretário de Defesa Social de Pernambuco, Antônio de Pádua, pelo consultor de ordem pública Cel. Júlio Cézar, e pelo Secretário de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude/PE, Roberto Franca.

Dentro das discussões atuais sobre políticas de prevenção à criminalidade, o palestrante Roberto Franca detalhou que existe dentro dos órgãos públicos movimentos que remetem a ideia de que políticas municipais em prol da segurança cidadã sejam implantadas. “A razão de ser quanto a este pensamento se fundamenta pelo fato de que o policiamento local, que conhece a comunidade, ou o bairro e as pessoas que nestes locais residem, podem se antecipar às ações de desconhecidos ou de pessoas que não têm conduta correta perante a sociedade, evitando, assim, criminalidade localizada”, afirmou o Secretário de Desenvolvimento, Criança e Juventude, em seu pronunciamento no Congresso da Amupe.

Abaixo, a reprodução da Indicação nº 113/2017.

Redação do Blog de Assis Ramalho
Informações: Câmara Municipal de Petrolândia e da Amupe


0 comentários:

Postar um comentário