sexta-feira, 18 de agosto de 2017

Na Alepe, Socorro Pimentel alerta para problemas no setor de hemodiálise do Estado

Foto: Rinaldo Marques/Alepe

A deputada Socorro Pimentel (PSL) cobrou do Governo do Estado, na Reunião Plenária da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) desta quinta (17), que resolva a crise no sistema de hemodiálise de Pernambuco. Ela registrou a situação de pacientes renais que esperam por até um mês internados em hospitais para serem aceitos em clínicas conveniadas e que, quando isso ocorre, muitas vezes precisam se deslocar três vezes por semana para outros municípios para ser atendidos.

Pimentel atribuiu a situação à falta de compromisso e à inabilidade do Governo. “Com quase 5 mil pacientes renais em Pernambuco, a qualidade do atendimento caiu significativamente. Faltam vagas para novos pacientes e os deslocamentos geram uma despesa altíssima para o município, além de risco de vida para os transportados”, expressou.

A deputada citou, ainda, a situação do centro de hemodiálise e nefrologia do Hospital e Maternidade Santa Maria, em Araripina (Sertão do Araripe), que está equipado mas não foi entregue à população. De acordo com a parlamentar, a administração da unidade de saúde já entregou a documentação necessária para a Secretaria estadual de Saúde, que ainda não teria resolvido as pendências junto ao Ministério da Saúde para que o centro seja inaugurado.

Alepe


0 comentários:

Postar um comentário