quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Morre vigilante baleado durante assalto a carro-forte em São Bento do Una, PE


Morreu nesta quinta-feira (17) o vigilante Roberto Ferreira de Lira, de 31 anos. Ele foi atingido a tiros durante o roubo ao carro-forte que dirigia, na terça-feira passada, em São Bento do Una, Agreste de Pernambuco. Desde então, o segurança estava internado no Hospital da Restauração (HR), no Recife, onde chegou a ser submetido a uma cirurgia para amputação da perna direita.

Já o agricultor Ivo Paz de Lima, de 65 anos, que passava pela PE-180 no momento da abordagem, atingido na cabeça por uma bala perdida, permanece internado em coma, entubado e respirando com ajuda de aparelhos na unidade de trauma do HR. Outro vigilante baleado de raspão foi atendido em um hospital em São Bento do Una e liberado. Os outros dois vigilantes não ficaram feridos.

O crime aconteceu por volta das 17h30 da terça-feira passada. Um grupo de cerca de 10 homens fortemente armados atacou um carro forte da Preserve que seguia de São Bento do Una para Lajedo, respectivamente a 215 e 173 quilômetros do Recife, no Agreste. O grupo utilizou uma Hillux e um Duster, além de cinco motos que foram abandonadas na fuga.

Há informações não confirmadas de que assaltantes estariam seguindo o carro que teria recolhido malotes da agência do Banco do Brasil em São Bento do Una. Quando estava na rodovia, o grupo iniciou o ataque a tiros. O carro forte saiu da pista, capotou e terminou no matagal.

Os assaltantes teriam obrigado os ocupantes do carro forte da Preserve a deixarem o veículo, tomando todo o armamento, de escopetas calibre 12 a pistolas 380, além dos coletes, e utilizaram explosivo para levarem tudo que estava sendo transportado. Segundo a PMPE, a Preserve não informou o montante que estava sendo transportado, nem forneceu mais detalhes do que foi levado.

“Foi um assalto bem planejado”, disse o major Brito, acrescentando que PMs já estavam no encalço do grupo para tentar prender os envolvidos. Ainda segundo ele, um dos funcionários ficou ferido, mas se acreditava que foi em consequência do capotamento.

Diário de Pernambuco


0 comentários:

Postar um comentário