domingo, 20 de agosto de 2017

Morre aos 91 o comediante e ator Jerry Lewis

Ator foi um dos maiores comediantes de todos os tempos e estrelou mais de 45 filmes em uma carreira de cinco décadas

Jerry Lewis morreu aos 91 anos neste domingo (20), informou a imprensa norte-americana. Conhecido como "Rei da Comédia", o ator é um dos maiores comediantes de todos os tempos.

A morte dele foi noticiada pela revista "The Variety", o site "TMZ", a agência de notícias Reuters e a BBC.

Ele alcançou a glória pela primeira vez junto com Dean Martin, com quem a partir de 1946 formou uma das duplas mais memoráveis do humor americano.

Dean Martin era o elegante da dupla, especialmente quando cantava, enquanto Jerry Lewis exercia o papel do louco imprevisível em espetáculos totalmente abertos à improvisação.

Mas, após dez anos de sucessos demolidores nos teatros e no cinema, graças a filmes como "O marujo foi na onda" (1952) e "O rei do laço" (1956), em 24 de julho de 1956 Dean Martin e Jerry Lewis fizeram o último espetáculo como dupla no clube Copacabana, em Nova York.

Lewis ficou famoso na década de 1950 como um artista de comédia em clubes noturnos, na televisão e no cinema. Lewis estrelou mais de 45 filmes em uma carreira que abrange cinco décadas.

Ele também esteve intimamente associado ao seu telethon anual do Dia do Trabalho para a Associação de Distrofia Muscular, que ele começou a apresentar em 1952. Ele se aposentou do evento em 2011.

Lewis ganhou vários prêmios honorários incluindo os do American Comedy Awards, The Golden Camera, Los Angeles Film Critics Association e do Festival de Venice, além de ter duas estrelas na Calçada da Fama. Em 2005, recebeu o Governors Award da Academia de Artes e Ciências Televisivas.

Por G1


0 comentários:

Postar um comentário