quinta-feira, 24 de agosto de 2017

Em nova soltura, CPRH devolve jacaré de dois metros à natureza

Réptil foi alvo de estudos no Cetas Tangara, em parceria com a UFRPE (Foto: CPRH/Divulgação)

Duas semanas depois de ser encontrado por moradores no bairro do Jiguiá, no Recife, e de passar por estudos genéticos no Centro de Triagem de Animais Silvestres de Pernambuco (Cetas Tangara), um jacaré adulto, de mais de 2 metros, ganhou de volta a vida em liberdade. Ele foi solto por equipe da Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH) em área de soltura próxima à barragem de Botafogo, entre os municípios de Igarassu e Araçoiaba, na Região Metropolitana do Recife.

Em sua temporada sob os cuidados do Cetas, no bairro da Guabiraba, Recife, o jacaré teve coleta de material genético, passou por marcação para identificação de suas características e teve implantado um microchip para monitoramento, entre outros estudos de pesquisa que vem sendo desenvolvida pela professora Josélia Correia, do Departamento de Biologia da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). O trabalho em parceria abrange toda a área da Região Metropolitana onde a espécie aparece.

Com 2,8 metros e 47 quilos, o jacaré que chamou atenção de moradores do Jiguiá foi resgatado e levado ao Cetas, no dia 10 deste mês, pela Brigada Ambiental do Recife. No mesmo dia, outro da espécie, mas menor, foi capturado por barqueiros que realizam o translado da Praça do Marco Zero ao Parque das Esculturas, no Bairro do Recife. Este, também levado ao Cetas, foi devolvido à natureza na semana passada.

URUBU E GAVIÃO – Entre os novos animais silvestres que passaram a receber tratamento no Cetas, esta semana, há um urubu e um gavião carcará, ambos com fraturas nas asas. O urubu foi encontrado machucado na Rua do Imperador, centro do Recife, e resgatado por um morador, que o entregou à CPRH. Além do problema na asa, tem fratura no bico. Já o gavião carcará, com antiga fratura na asa, foi encontrado no bairro dos Torrões e entregue à Guarda Ambiental do Recife, que o levou ao Cetas.

Núcleo de Comunicação Social e Educação Ambiental - NCSEA
Agência Estadual de Meio Ambiente - CPRH
www.cprh.pe.gov.br


0 comentários:

Postar um comentário