sexta-feira, 7 de julho de 2017

Vice-governador Raul Henry busca preservar interlocução com o presidente Michel Temer

Em entrevista ao Blog de Assis Ramalho e a Web Rádio Petrolândia, em abril deste ano, vice governador Raul Henry dizia ser a favor da reforma da Previdência e que Temer estaria fazendo um bom governo

Após o deputado federal Jarbas Vasconcelos (PMDB) declarar seu voto em defesa da abertura de inquérito contra o presidente Michel Temer (PMDB), o vice-governador Raul Henry (PMDB) adotou um tom diverso e mais institucional do que o principal líder do PMDB no Estado. O gestor ponderou que respeita a posição do seu correligionário, mas procurou preservar sua interlocução com o Governo Federal.

>>Em entrevista ao Blog e a Web Rádio Petrolândia, vice governador Raul Henry diz que a reforma da Previdência é necessária e que Temer está fazendo um bom governo

Desde que assumiu a secretaria de Desenvolvimento Econômico, Henry vem sendo uma das principais pontes do Palácio das Princesas com a Esplanada dos Ministérios. Dessa forma, qualquer movimentação mais radical diante da imprevisibilidade do cenário nacional pode colocar em risco a boa relação.


"Eu tenho profundo respeito pela posição de Jarbas. Nesse momento tenso que o Brasil está vivendo, delicado da política nacional. Cada pessoa deve se expressar de acordo com sua consciência, fazer a sua avaliação do quadro. Agora, eu tenho uma posição institucional que é a posição de vice-governador de Pernambuco, que não me coloca nessa arena política do Congresso. Eu acho que minha posição é defender os interesses do Estado de Pernambuco, inclusive, na relação que temos com o Governo Federal. Não me cabe entrar nesse debate, minha missão institucional nesse momento é outra", avaliou, durante a abertura da Fenearte (Confira os detalhes e programação da feira de artesanato em Olinda).

A agenda do governador Paulo Câmara (PSB) com o presidente do Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES), Paulo Rabello de Castro, nesta sexata-feira (7), passou pela articulação de Raul Henry. Ele teve uma conversa com ministro da Secretaria-geral da Presidência da República, Moreira Franco, para articular o encontro, anteontem, e tratar de questões relacionadas a investimentos no estaleiro Atlântico Sul, no Complexo de Suape. Segundo o vice-governador, a crise política não entrou na conversa.

Apesar de não se posicionar em defesa do inquérito contra Temer, Raul avaliou que "o princípio de toda a denúncia é ser apurada e todo o denunciado tem que ter o direito de defesa".

Folha de Pernambuco


0 comentários:

Postar um comentário