segunda-feira, 31 de julho de 2017

PT decide pela candidatura própria ao governo de Pernambuco em 2018

Marília foi pedir a benção a Lula para ser a candidata do PT em Pernambuco (Foto: Matheus Bernardes/Agência PT)

O diretório estadual do PT, que se reuniu neste domingo (30), aprovou a candidatura própria ao Governo de Pernambuco em 2018. A decisão já era uma tendência interna, mas sofria resistência de setores partidários que preferiam uma aliança, sobretudo, com o senador Armando Monteiro (PTB). A partir de agora o partido vai trabalhar o nome para a disputa: a vereadora do Recife, Marília Arraes, já articula, nos bastidores, a postulação, mas o ex-prefeito do Recife, João Paulo (PT), também está no radar.

A resolução já havia sido levantada durante o Congresso estadual da legenda, que reconduziu o presidente estadual Bruno Ribeiro ao cargo, e neste domingo foi ratificada pelo diretório. Na reunião, o partido debateu a conjuntura, a construção de um calendário eleitoral e a fomentação de um programa partidário – com foco em políticas públicas – para embasar a postulação estadual. Esta decisão também acaba com o sonho de alguns setores que vislumbrava uma aliança com o PSB.


Além da agenda do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no Nordeste, que inicia no próximo dia 17 de agosto e passará por Pernambuco nos dias 24 e 25. Nesta segunda-feira (31), Lula e a presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann, se reúnem com os presidentes estaduais do Nordeste, em São Paulo, para ajustar a caravana.

Diário de Pernambuco


0 comentários:

Postar um comentário