quarta-feira, 19 de julho de 2017

Ministro Mendonça Filho libera R$14,55 milhões para Universidades e Institutos Federais de Pernambuco

Foto: Valter Campanato/ABr

O ministro da Educação, Mendonça Filho liberou R$ 14,55 milhões em recursos financeiros para as três Universidades e dois Institutos Federais em Pernambuco, além da Fundação Joaquim Nabuco. Os recursos, liberados na segunda-feira 17, serão aplicados na manutenção, custeio e pagamento de assistência estudantil, entre outros. "Desde o início do ano, o MEC já repassou R$ 201,02 milhões para as instituições federais localizadas no estado", completou o ministro Mendonça Filho.

No total, foram destinados R$ R$ 273,43 milhões em para as instituições de todo o País. A maior parte dos valores, foi repassada às universidades federais, incluindo repasses para hospitais universitários. Já a rede federal de educação profissional, científica e tecnológica recebeu R$ 82,47 milhões. O restante, R$ 3,40 milhão, foi repassado ao Instituto Nacional de Educação de Surdos (Ines), ao Instituto Benjamin Constant (IBC) e à Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj).
Desde o início do ano, o MEC repassou R$ 4,03 bilhões para as instituições federais vinculadas à pasta, incluindo o que foi destinado ao pagamento de despesas das universidades e institutos federais, do Instituto Nacional de Surdos, do Instituto Benjamin Constant e da Fundação Joaquim Nabuco.

O ministro da Educação, Mendonça Filho liberou R$ 14,55 milhões em recursos financeiros para as três Universidades e dois Institutos Federais em Pernambuco, além da Fundação Joaquim Nabuco. Os recursos, liberados na segunda-feira 17, serão aplicados na manutenção, custeio e pagamento de assistência estudantil, entre outros. "Desde o início do ano, o MEC já repassou R$ 201,02 milhões para as instituições federais localizadas no estado", completou o ministro Mendonça Filho.

No total, foram destinados R$ R$ 273,43 milhões em para as instituições de todo o País. A maior parte dos valores, foi repassada às universidades federais, incluindo repasses para hospitais universitários. Já a rede federal de educação profissional, científica e tecnológica recebeu R$ 82,47 milhões. O restante, R$ 3,40 milhão, foi repassado ao Instituto Nacional de Educação de Surdos (Ines), ao Instituto Benjamin Constant (IBC) e à Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj).

Desde o início do ano, o MEC repassou R$ 4,03 bilhões para as instituições federais vinculadas à pasta, incluindo o que foi destinado ao pagamento de despesas das universidades e institutos federais, do Instituto Nacional de Surdos, do Instituto Benjamin Constant e da Fundação Joaquim Nabuco.

Rochelly Pinto


0 comentários:

Postar um comentário