quarta-feira, 7 de junho de 2017

Alepe registra cinquentenário de hospital em Araripina

Reunião Solene, proposta pela deputada Roberta Arraes, homenageou Hospital e Maternidade Santa Maria (Foto: Giovanni Costa/Alepe)

Inaugurado em 1967, o Hospital e Maternidade Santa Maria, em Araripina (Sertão do Araripe), surgiu por iniciativa do bispo da Diocese de Petrolina na época, Dom Antônio Campelo de Aragão. Posteriormente, a unidade foi doada às Irmãs Medianeiras da Paz, congregação fundada pelo religioso. Ao completar 50 anos, o centro de saúde recebeu a homenagem da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), nesta terça (6), em Reunião Solene proposta pela deputada Roberta Arraes (PSB).

Administrado pelo Instituto Social das Medianeiras da Paz, o atendimento do Santa Maria é 90% feito pelo Sistema Único de Saúde (SUS). O deputado Pastor Cleiton Collins (PP), que presidiu a cerimônia, ressaltou que esse é o único hospital do município que funciona 24 horas por dia. O espaço conta com 146 leitos, sendo 25 da maternidade, que realiza uma média de 140 partos mensais. Em seu discurso, o parlamentar também destacou a dedicação das religiosas, do quadro médico e dos colaboradores da entidade, “que lutam para proporcionar à população um serviço médico de qualidade”.

Roberta Arraes salientou a dedicação dos profissionais do hospital com o propósito de prestar um bom serviço aos pacientes. “Mesmo enfrentando problemas de recursos, a instituição é um marco da medicina no Sertão de Pernambuco”, observou. A deputada recebeu uma placa alusiva ao cinquentenário da entidade.

A diretora-médica da unidade, Regina Maria Torres, agradeceu a homenagem do Poder Legislativo, enfatizando que o hospital “tem a missão de cuidar dos filhos da região com dedicação e amor”. Uma placa comemorativa da Alepe também foi entregue à direção do centro de saúde.

Alepe


0 comentários:

Postar um comentário