quarta-feira, 10 de maio de 2017

Diocese de Palmeira dos Índios afasta pároco após vazamento de supostas fotos íntimas em Delmiro Gouveia


O padre Antônio Bernardo que já foi pároco em Delmiro Gouveia, se envolveu em uma polêmica nesta terça-feira, 9, após ter supostas fotos íntimas com dois rapazes delmirenses, tiradas em motel da cidade, compartilhadas nas redes sociais.

Devido à grande repercussão, a Diocese de Palmeira dos Índios decidiu afastá-lo do cargo até a conclusão das investigações. Por meio de nota, a Diocese explicou que o processo transcorre em segredo de justiça e os autos do procedimento canônico, após concluída a fase diocesana, seguirão para Cidade Estado do Vaticano, em Roma na Itália para decisão do Santo Padre Francisco.

Em um grupo de Whatsapp, um dos envolvidos citou que estava ficando com o outro rapaz, e que o padre teria chegado e iniciou uma bebedeira entre eles. Ele finalizou dizendo que ele é padre e sabe o que faz. 

Confira a nota da Diocese na íntegra: 

A Diocese de Palmeira dos Índios comunica que, no dia de hoje, foi instituído um Processo Administrativo Penal em desfavor do Reverendo Pe. Antônio Bernardo dos Santos, do clero desta Diocese.

O Processo transcorre em segredo de justiça. Os autos do procedimento canônico, concluída a fase diocesana, seguirão para a Cidade Estado do Vaticano, em Roma (Itália), para a decisão do Santo Padre Francisco. Rezemos pela Santa Igreja, particularmente pela nossa Diocese.

Palmeira dos Índios, AL, 09 de maio de 2017.


PA4


0 comentários:

Postar um comentário