sexta-feira, 19 de maio de 2017

Agência Municipal de Meio Ambiente de Araripina é apresentada a empresários do polo gesseiro

Foto: Bruno Rostand/SECOM

Em solenidade realizada na sede da Fiepe na última quarta-feira (17), o prefeito Raimundo Pimentel sancionou a Lei nº 2.846 de 11 de maio de 2017 que cria a Agência Municipal de Meio Ambiente – AMMA, que substitui a Secretaria de Meio Ambiente.

A AMMA tem por objetivo central executar a política e diretrizes governamentais fixadas para o meio ambiente tendo como competências principais o licenciamento, controle, monitoramento e fiscalização de todas as atividades e empreendimentos; o desenvolvimento de ações que visem a adequada destinação dos resíduos sólidos gerados no território do município, além de todas as atividades que já eram desenvolvidas pela extinta Secretaria de Meio Ambiente.

De acordo com o prefeito Raimundo Pimentel, a criação da AMMA é a realização de mais um compromisso feito com os empresários da cidade, especialmente do polo gesseiro, que reclamam da burocracia e lentidão por parte do Estado de Pernambuco principalmente na obtenção das licenças ambientais. Pimentel destacou a importância econômica do setor para a cidade.

“A Prefeitura de Araripina é uma instituição parceira dos empresários do polo gesseiro e nesse momento de recessão econômica temos que dar integral apoio para que uma das nossas principais economias continue se desenvolvendo e gerando empregos. Por isto estamos cumprindo mais um compromisso assumido com o setor”, destacou.

Participaram da solenidade o vice-prefeito Bringel Filho, o diretor da AMMA, Humberto Filho, o presidente da Câmara de Vereadores, Evilásio Mateus, e os vereadores Joan Erlan e Roseilton Oliveira, a procuradora-geral do município, Priscila Bandeira, a presidente do Sindicato das Indústrias do Gesso, Ceissa Campos Costa, o diretor-adjunto da Fiepe do Araripe, Meton Carvalho e diversos empresários, servidores municipais, representantes de ONGs e da Faciagra.

Secretaria de Comunicação Prefeitura de Araripina


0 comentários:

Postar um comentário