sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

Petrolina recebe mais 400 doses de vacina contra a febre amarela

A vacinação é feita apenas para quem pretende viajar para regiões consideradas de risco da doença pelo Ministério da Saúde. Importante tomar a vacina 10 dias antes da viagem.

Já está disponível em Petrolina a vacina contra a febre amarela. Estão sendo disponibilizadas 400 doses que chegaram na última quarta-feira (08) e, após a contabilização, estão sendo liberadas para a população. O município tem duas Unidades de Saúde de Referência para vacinação contra febre amarela: AME Amália Granja, localizada no bairro Vila Mocó, nas imediações do Parque Josefa Coelho; e a AME Roza Maria Ribeiro, no bairro Gercino Coelho, próximo à Rodoviária.

A Secretaria Municipal de Saúde tranquiliza a população de Petrolina de que não há riscos na nossa cidade de febre amarela, já que, após o surto da doença em algumas regiões, aumentou consideravelmente a procura pela vacina no município.

A vacinação é feita apenas para quem pretende viajar para regiões consideradas de risco da doença pelo Ministério da Saúde. Importante tomar a vacina 10 dias antes da viagem. “As listas dos municípios com recomendação de vacina estão disponíveis na sala de vacina destas unidades que realizam a vacina. Em janeiro recebemos 630 doses e foram esgotadas”, ressaltou a coordenadora do Programa Municipal de Imunização (PMI), Alexsandra Santos.

Para receber a vacina, as pessoas devem ir às unidades de saúde de referência e apresentar o comprovante de viagem, que pode ser o ticket da companhia de transporte aéreo ou terrestre.

No calendário de vacinação, a dose deve ser aplicada em crianças a partir dos nove meses de vida. Com reforço após 10 anos. A vacinação não é indicada para gestante e mulheres em fase de amamentação. Também não podem ser vacinadas pessoas com doenças autoimunes, como Aids e Lúpus.

Nas AMES de referência, a vacinação contra febre amarela começa a ser aplicada a partir das 10h e segue até às 17h, de segunda a sexta-feira.

Assessoria de Comunicação da Secretaria Municipal de Saúde de Petrolina


0 comentários:

Postar um comentário