quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

Catende: Bloco Mulher da Sombrinha 2017 leva Harmonia do Samba e Geraldinho Lins para as ruas

Bloco tem como ponto de saída o cemitério da cidade

Há mais de 30 anos desfilando pelas ruas de Catende, na Mata Sul pernambucana, o bloco A Mulher da Sombrinha ainda leva o mistério para moradores e foliões de outras cidades. A personagem faz alusão a uma lenda fantasmagórica, segundo a qual uma mulher loira e bonita seduzia trabalhadores da Usina Catende e os levava para o Cemitério Sagrada Família, sempre à meia-noite. Chegando lá, desaparecia.

O maior bloco carnavalesco da região tem como diferencial justamente o ponto de partida: o cemitério, de onde a personagem sai e é seguida por milhares de foliões.

A boneca tem 15 kg e chega a pesar 35 kg quando está vestida. Um tema é escolhido a cada ano para estampar a fantasia da Mulher da Sombrinha. Ao lado dela, desfila o boneco do operário, sempre com a roupa combinando.

Prévia carnavalesca

As festividades da prévia carnavalesca da cidade, que este ano traz o tema “Vou danado pra Catende, com vontade de pular!”, começam na quarta-feira, dia 15, com o Carnafé, programação religiosa que tem como atração o Ministério Adoração e Luz. Na quinta-feira, 16, os foliões contarão com o Trio e Banda Asas da América.

Na sexta-feira, 17, tem Gil Bala e DJ André, Bloco Os Atrevidos e Igor Kannario. No sábado, 18, dia do Bloco A Mulher da Sombrinha, as atrações são Peões Elétrico, Marcos Catende, Geraldinho Lins e Harmonia do Samba. E no domingo, a festa se encerra ao som do Trio da Huanna, Bloco os Vagabundos e Virados do Forró.

Ascom Prefeitura Municipal de Catende


0 comentários:

Postar um comentário