sexta-feira, 14 de outubro de 2016

Veja os jogos da 31ª rodada do Brasileirão; em Petrolândia o torcedor assiste no Geração 2


Neste sábado (15) não teremos jogos na Série A, mas se prepare, porque o domingo é recheado com nove partidas que em Petrolândia o torcedor assiste no Bar e Restaurante Geração 2, na Orla da cidade.

Domingo 17:00h

Internacional x Flamengo
Quando as duas equipes se encontraram no primeiro turno, o Inter era o vice-líder do Brasileirão e o Flamengo estava em sexto. Agora são os cariocas que ostentam o segundo lugar, enquanto os gaúchos estão afundados na ZR. O Colorado sabe que precisa vencer os quatro jogos restantes que tem em casa para atingir os 45 pontos e escapar da Segundona. Mas os três pontos não virão no fim de semana. Placar: 1 x 1.

Figueirense x Palmeiras 
Dos oito jogos restantes para o Figueira, seis são contra equipes da metade de cima da tabela e os outros dois são diante de rivais diretos na briga contra a degola – Vitória e Sport – e fora de casa. Ou seja, a tabela é muito ruim e os catarinenses dificilmente escaparão do rebaixamento. A primeira pedreira é o líder Palmeiras que acossado pelo Flamengo não pode dar bobeira.

Cruzeiro x Chapecoense –
A Chape segue tranquila no meio da tabela, acima do Cruzeiro, mas está longe de ser favorita no duelo. A defesa catarinense, apesar de não ter sofrido gol na rodada passada, não é confiável. É a segunda pior do campeonato – já levou 50 gols. Em 15 jogos como visitante, a Chapecoense só não sofreu gols em uma partida.

Botafogo x Atlético-MG
Ótimo jogo para acompanhar. O Botafogo venceu oito dos 11 jogos que fez no returno. E nestas oito vitórias, os cariocas não sofreram nenhum gol. A missão da defesa agora é parar o segundo melhor ataque do campeonato. O Galo já balançou a rede 49 vezes e tem dois dos artilheiros da Série A

Atlético x Coritiba 
O italiano Andrea Bocelli virou vilão para o torcedor atleticano. Por causa do show do cantor na Arena, o Rubro-Negro teve de levar o Atletiba para a Vila Capanema. Uma baita falha da diretoria que mostrou total falta de planejamento. Nos dois últimos clássicos realizados no estádio paranista, o Atlético se deu melhor: vitórias por 2 a 1 no Brasileiro de 2013 e 3 a 0 no Paranaense de 2014.

Corinthians x América-MG
Oswaldo de Oliveira assume o comando técnico nestas rodadas finais com a missão de levar o Corinthians para a Libertadores. O nome foi uma escolha pessoal do presidente Roberto de Andrade e desagradou diretores. O clima não é dos melhores, mas o adversário para a estreia é perfeito.

Ponte Preta x Santa Cruz
A Ponte respirou aliviada ao encerrar uma série de quatro jogos sem derrota na rodada passada. E a Macaca tem tudo para emendar mais um triunfo. O vice-lanterna Santa Cruz vem de cinco derrotas seguidas e já pensa na Série B do ano que vem. Os atacantes Keno e Grafite são os únicos que se salvam no Santinha.

Domingo, 19h30
Santos x Grêmio
O Grêmio voltou a colar no G6 e espera entrar no grupo da Libertadores nesta rodada. O Santos já está por lá e espera acabar com um jejum diante dos gaúchos. O Peixe é muito forte em casa. Neste Brasileiro, são 12 vitórias em 15 jogos. Mas nos últimos três anos, são três tropeços contra os gremistas na Vila Belmiro: dois empates e uma derrota.

Sport x Vitória
Duelo vital pela sobrevivência na Série A. Os dois times nordestinos estão na porta da zona de rebaixamento e precisam da vitória para respirar um pouco. Após perder Oswaldo de Oliveira para o Corinthians, o Sport decidiu efetivar o auxiliar Daniel Paulista como técnico.

Segunda-feira, 20h
Fluminense x São Paulo
O técnico Ricardo Gomes trocou o Botafogo pelo São Paulo no meio do campeonato, o que se mostrou uma péssima escolha. Enquanto os cariocas agora brigam pela Libertadores, o São Paulo é assombrado pela Série B. A fase é péssima e o time do Morumbi não vence há cinco rodadas. Diante de um Fluminense mordido pela derrota no Fla-Flu, os paulistas podem se complicar ainda mais. 

Fonte: Gazeta do Povo


0 comentários:

Postar um comentário