terça-feira, 18 de outubro de 2016

Equipe de cirurgia bariátrica inaugura Copa Star, nova unidade da Rede D'Or no RJ


Mulher de 40 anos, operada pelo especialista Cid Pitombo no último sábado (15), passa bem. Unidade de luxo da Rede D'Or, em Copacabana, é hoje o sonho de consumo de profissionais da saúde por conta dos equipamentos de última geração. Médico das estrelas - operou André Marques e Leandro Hassum - mantém Programa de Cirurgia Bariátrica no Estado do Rio de Janeiro. Somente nesta segunda (17), foram quatro operados no Hospital Estadual Carlos Chagas

O médico Cid Pitombo, referência nacional e internacional em cirurgia bariátrica, estreou na manhã deste sábado (15) o centro cirúrgico do Copa Star, nova unidade da Rede D'Or inaugurada este mês em Copacabana. Uma mulher de 40 anos passou por procedimento de videolaparoscopia com o que há de mais moderno em tecnologia. O procedimento pouco invasivo para a chamada popularmente redução do estômago, durou apenas 40 minutos e foi um sucesso.

Com o objetivo de oferecer o estado da arte da medicina em equipamentos, tecnologia, hotelaria; a unidade de atendimento cinco estrelas já está sendo cobiçada por muitos médicos da cidade e do país.

Cid Pitombo, o mesmo que operou os atores André Marques e Leandro Hassum, faz parte do corpo médico do Copa Star e garante que a nova unidade é hoje o sonho de consumo de cirurgiões de todo o mundo.

Pitombo é o recorde de cirurgias bariátricas do SUS - Cid Pitombo é o criador do Programa Estadual de Cirurgia Bariátrica que mantém a média de 40 pacientes operados por videolaparoscopia por mês no Hospital Estadual Carlos Chagas, no Rio de Janeiro. Já passaram pelo procedimento mais de 1.500 pacientes do Sistema Único de Saúde, moradores de todas as regiões do estado do Rio de Janeiro. A média de atendimentos ambulatoriais está sendo mantida em 2.000/mês. Somente nesta segunda-feira (17), foram quatro pacientes operados no hospital público. Todos passam bem.

Perfil do especialista - Há quase 25 anos, ao sair da faculdade, Pitombo foi para os Estados Unidos se especializar em cirurgia laparoscópica. Voltou ao Brasil cinco anos depois para aprender sobre cirurgias da obesidade e, ao final do mestrado e doutorado, rodou grandes centros de cirurgia bariátrica nos EUA. Logo percebeu que os conhecimentos sobre laparoscopia e obesidade eram uma área a ser explorada. Juntou-se aos grandes nomes da cirurgia bariátrica, experimentou diferentes técnicas, operou e deu aulas em diversos países e se tornou referência no Brasil em cirurgia bariátrica por videolaparoscopia, técnica que utiliza em todas as unidades em que opera. O procedimento é menos invasivo e proporciona recuperação mais rápida do paciente.

Dom Comunicação


0 comentários:

Postar um comentário