sexta-feira, 23 de setembro de 2016

Petrolândia: Lágrimas, comoção e aplausos no adeus a Dona Magal, comerciante ambulante dos eventos da cidade

Mulher de fibra, batalhadora, sempre animada, simpática e com disposição impressionante para o trabalho, Dona Magal se preparava para participar do comércio nas festas do Padroeiro, que começam neste sábado (24) - Foto; Assis Ramalho

O corpo de Dona Magal chega ao Cemitério sob aplausos à sua memória, em um momento de reconhecimento, dor e emoção

O último adeus a Margarida Ester da Conceição, foi marcado por forte comoção de familiares e amigos no Cemitério São Francisco, em Petrolândia, na manhã desta Sexta-feira (23). Após o velório realizado na residência, na Quadra 05, o cortejo funerário dirigiu-se ao campo santo local. O corpo de Dona Magal, como popularmente era conhecida, foi sepultado sob aplausos à sua memória, em um momento de muita dor e emoção.

Bastante querida pela população de Petrolândia, Dona Magal era comerciante ambulante de presença obrigatória nas festas da cidade. Magal faleceu após sentir-se mal em sua residência de onde foi socorrida ao Hospital Municipal, mas infelizmente sucumbiu a um provável enfarte.

Petrolândia perdeu uma mulher de fibra, batalhadora. Sempre animada, simpática, com disposição impressionante para o trabalho, Magal se preparava para participar do comércio nas festas do Padroeiro, que começam neste sábado (24).

Apresentamos nossos pêsames à família, surpreendida pela repentina partida de dona Magal.

Ver fotos > O Adeus a Dona Magal

Redação do Blog de Assis Ramalho
Fotos; Assis Ramalho


0 comentários:

Postar um comentário