quarta-feira, 17 de agosto de 2016

Índios seguem acampados e terão nova reunião na Sede da Educação

Portões da Secretaria de Eucação, no Recife, foram fechados pelos índios e funcionários estão sem acesso (Foto: Pedro Lins/TV Globo)

Índios de 11 tribos de Pernambuco decidiram passar mais uma noite acampados na sede da Secretaria Estadual de Educação, no bairro da Várzea, Zona Oeste do Recife. Eles estão instalados no local desde a última segunda-feira (15) em protesto por melhor assistência aos povos indígenas. Na noite desta terça-feira (16), eles foram recebidos pelo secretário de Educação, Frederico Amâncio, mas a reunião se estendeu até as 22h sem definição. O encontro será retomado nesta quarta-feira (17), com horário a ser definido.

Nesta terça-feira (16), os portões do prédio foram fechados e os funcionários não tiveram acesso ao local. A ocupação aconteceu na segunda-feira (15), buscando chamar a atenção das autoridades para a situação das escolas públicas indígenas do estado, que, segundo o grupo, estão sucateadas.

Antes da reunião acontecer, os índios insistiam em ser recebidos pelo secretário de Educação, Frederico Amâncio, e pelo governador Paulo Câmara. "Nossa reivindicação é a política de transporte, a questão de criação da categoria do professor indígena, além de dialogar com o governador sobre as questões de assitência dos povos índigenas no estado dele", apontou a representante do grupo, Edilene Bezerra Pajeú.

Levantando cartazes, os indígenas entraram no prédio ainda na manhã da segunda. O grupo fez uma dança na área de convivência da secretaria. Os índios pedem a realização de concurso público para contratação de novos professores e melhor estrutura para as unidades de ensino.
Índios no pátio da Secretria Estadual de Educação, nesta terça-feira (16), na Zona

Em nota, a assessoria da SEE informou que o secretário de Educação do Estado, Fred Amâncio, junto com outros representantes do governo e da Assembleia Legislativa de Pernambuco, reuniram-se no início da noite desta terça-feira (16), na sede da Secretaria de Educação, no bairro da Várzea, com representações dos povos indígenas que estão ocupando a Secretaria, conforme acordado com eles. "Os povos e a comissão governamental ainda estão negociando os pontos apresentados e, amanhã (17), retomarão o diálogo", diz o texto.

G1 PE


0 comentários:

Postar um comentário